Conheça a primeira página do Negócios
A primeira página do Negócios, o acesso
ao ePaper
24 de Janeiro | Taxas de juro & Crédito
O regulador do sector financeiro nacional diz que está a acompanhar a evolução das taxas de juro de mercado que, saliente, não dependem do BCE. E que está a analisar a forma como estas podem ter impacto tanto nos clientes como nos bancos.
24 de Janeiro | Finanças Públicas
O líder do CDS-PP disse hoje ter "expectativa moderada" de voltar a ter algum adicional de receita como em 2014, lembrando que este ano tudo o que o Estado conseguir arrecadar a mais será utilizado para devolver a sobretaxa.
23 de Janeiro | Finanças Públicas
A descida do défice orçamental em 2014, para um valor inferior ao que estava projectado, deveu-se ao crescimento das receitas fiscais acima do esperado, bem como à queda da despesa pública.
23 de Janeiro | Transportes
O Sector Empresarial do Estado agravou em 480 milhões as perdas no terceiro trimestre de 2014. Nos transportes os resultados negativos ultrapassaram os 540 milhões.
24 de Janeiro | Media
O ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional disse hoje, no Bombarral, que a administração da RTP liderada por Alberto da Ponte vai sair em receber qualquer indemnização.
24 de Janeiro | Política
O vice-presidente e porta-voz do PSD, Marco António Costa, reagiu hoje "com agrado" à descida em 13,3% do desemprego em 2014 face a 2013, mas sublinhou que o partido "não vai sossegar enquanto houver um português desempregado".
24 de Janeiro | Emprego
O número de desempregados inscritos nos centros de emprego do continente e das regiões autónomas atingiu as 598.581 pessoas no final de Dezembro, menos 13,3% face ao período homólogo de 2013, segundo dados oficiais divulgados. Mas subiu face a Novembro.
23 de Janeiro | Imobiliário
Os novos donos prometem um investimento de 70 milhões de euros para transformar o Dolce Vita Tejo, criando assim mais mil postos de trabalho.
23 de Janeiro | Telecomunicações
A venda da PT Portugal deverá ter concluída no final do primeiro semestre do ano, prevê o presidente executivo da Oi. Bayard Gontijo adianta que o encaixe gerado com a venda destes activos será usado no processo de consolidação.
23 de Janeiro | Telecomunicações
Após a aprovação da venda da PT Portugal à dona da Meo, a cotação da PT SGPS voltou a subir acima dos dois dígitos pela segunda sessão consecutiva. No outro lado do Atlântico, a Oi está a ganhar mais de 8% na bolsa de São Paulo.
23 de Janeiro | Telecomunicações
A Altice quer aumentar a cobertura da rede de fibra óptica da PT Portugal, para que fique com uma extensão igual ou superior à da Nos. Mas para essa expansão admite co-investir com outros operadores, à semelhança do acordo que a PT Portugal tem em vigor com a Vodafone.
23 de Janeiro | Telecomunicações
Para Pedro Passos Coelho, a PT Portugal deverá agora gozar da estabilidade necessária para poder continuar a operar no mercado, após a conclusão da venda aos franceses da Altice. O primeiro-ministro falou ainda sobre a compra de dívida por parte do BCE.
23 de Janeiro | Telecomunicações
Os investimentos da PT em dívida da ESI e da Rioforte foram feitos sem que a empresa tivesse dados financeiros actualizados dessas participadas do GES. A partir de Setembro de 2013 deixou mesmo de ter informações financeiras. Mas já tinha alertas sobre riscos. É o que consta na auditoria da PwC à PT.
24 de Janeiro | Comércio
A comissão de credores da Moviflor, empresa de mobiliário declarada falida em Novembro passado, reúne-se pela primeira vez na próxima segunda-feira, 26 de Janeiro, disse à Lusa fonte sindical.
PUBLICIDADE
24 de Janeiro | Saúde
O ministro da Saúde recusou hoje considerar assustador o registo da Direcção-Geral da Saúde (DGS) de ocorrência de 700 mortos nos primeiros 20 dias de Janeiro nas urgências dos hospitais públicos.
23 de Janeiro | Weekend
Acuso o Governo, pela sua política de cortes excessivos, de ser responsável por algumas das mortes que ocorreram nas urgências. António Arnaut cita o amigo Miguel Torga: "A liberdade é uma penosa conquista da solidão" para dizer que às vezes se sente sozinho.
24 de Janeiro | Economia
Terminou este Sábado o evento mundial que reúne o maior número de influentes CEO e políticos de todo o mundo. Pelo Fórum Económico Mundial, que decorreu em Davos durante quatro dias, passaram mais de 2500 participantes. Veja alguns deles.
24 de Janeiro | Angola
De notas entre os dedos, a chamar clientes, passam os dias sentadas na rua aguardando por dólares para trocar, mas nunca a vida das 'kinguilas' de Luanda esteve tão difícil, sem divisas para alimentar o mercado informal e um negócio que cria famílias inteiras.
23 de Janeiro | Weekend
Uns saíram por falta de oportunidades de trabalho. Outros porque queriam ter uma experiência internacional. Mas nunca perderam a esperança de regressar a Portugal. Só não tinham planeado voltar tão cedo. Trouxe-os um desafio profissional interessante, a paixão por um projecto criado de raiz e, claro, a família.
23 de Janeiro | Empresas
O BPI dá o pontapé de saída na época de apresentação de resultados de 2014, já na próxima quinta-feira, 29 de Janeiro. Consulte o calendário e acompanhe os números que vão sendo reportados pelas principais cotadas nacionais.
24 de Janeiro | Weekend
A gama Celerio é composta por três versões - GA, GL e GLX -, e seis cores de carroçaria com preços que vão dos 10.398 euros aos 12.228 euros.
23 de Janeiro | Automóvel
Citroën C4 Cactus, Nissan Qashqai, Opel Adam Rocks, Peugeot 308 SW, Renault Twingo e Volkswagen Passat são os seis finalistas da 31ª edição do Carro do Ano/Troféu Essilor Volante de Cristal.
24 de Janeiro | Weekend
Este poderoso livro de Mark Mazower olha, sobretudo, para o lado misterioso da Europa, ou das várias Europas - que surgem como um todo, mas que vivem das suas diferenças.
24 de Janeiro | Weekend
Por causa do rótulo de um belo vinho português feito por um barão alemão em Sintra recuperámos uma gafe do príncipe da Noruega, Haakon Magnus,diante de Jorge Sampaio.
Editorial
  • Helena Garrido
    Quinta-feira, dia 22 de Janeiro de 2015. Um dia histórico para Portugal e para o euro. O BCE rendeu-se à necessidade de usar a última das armas de um banco central para combater a deflação e vai comprar dívida pública. A PT Portugal foi vendida aos franceses da Altice e deixa de pertencer a um grupo de accionistas que a delapidaram, primeiro apenas portugueses, depois em conjunto com os brasileiros da Oi. A PT como a conhecemos acabou. Com a Altice nascerá uma nova PT.
  • André Veríssimo
    O governo fez sempre questão de que independência face aos credores rimasse com soberania. Foi assim com a saída limpa do programa de ajustamento. Será provavelmente assim com o pedido de reembolso antecipado da dívida ao FMI. Resta saber se tudo isto rima com racionalidade financeira.
  • Helena Garrido
    A venda da PT Portugal à Altice não pode ser aprovada sem se saber com que dívidas vai a Oi ficar e sem garantias financeiras para responsabilidades que podem incluir, entre outras, benefícios de reforma de portugueses. Os accionistas de referência da PT e os seus gestores têm seguido a regra do "vale tudo".
23 de Janeiro | Bolsa
Nas bolsas europeias, a tendência é igualmente de ganhos, negociando o Stoxx600 em máximos de Dezembro de 2007. Por cá, destaque para a PT SGPS, que valorizou mais de 11%, contribuindo para os ganhos da bolsa nacional.
24 de Janeiro | Weekend
Virgolino Faneca é filho de peixeiro (Faneca é alcunha e não apelido) e de uma mulher apaixonada pelos segredos da semiótica textual. Tem 48 anos e é licenciado em Filologia pela Universidade de Paris, pequena localidade no Texas, onde Wim Wenders filmou.
24 de Janeiro | Weekend
Não são canções perfeitas, mas são réplicas perfeitas de uma massa fluída de canções perfeitas que a história já produziu. "Uptown Special" é óptimo entretenimento.
23 de Janeiro | Economia
Morreu esta sexta-feira o advogado Miguel Galvão Teles, fundador da sociedade Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados e antigo membro do Conselho de Estado. Tinha 75 anos.
24 de Janeiro | Weekend
Três lugares virtuais, relacionados com design, moda e escultura, contrariam o preconceito de que o território da rede é pouco rigoroso e não permite pesquisas detalhadas.
economistas Em colaboração com Project Syndicate
  • Se a Terceira Guerra Mundial alguma vez acontecer, as suas origens não estarão no Médio Oriente, Sul da Ásia, ou na Europa de Leste. É na Ásia Oriental - onde os interesses estratégicos da China, Estados Unidos, e seus respectivos parceiros se cruzam - que os riscos geopolíticos, tensões diplomáticas, e potencial para uma explosão mundial são mais elevados.
  • Se há um número que determina o destino da economia mundial, esse número é o preço do barril de petróleo. Todas as recessões globais desde 1970 foram precedidas por, no mínimo, uma duplicação do preço do petróleo e sempre que o preço do petróleo caiu para metade e manteve-se baixo por mais ou menos seis meses seguiu-se uma aceleração do crescimento global.
  • Vivemos tempos perigosos. Quando achamos que temos tudo em ordem, acontece algo que nos tira o chão que pisamos. Acções e momentos estão muitas vezes interligados e o que acontece num nível - afectando indivíduos, Estados, sectores económicos e empresas de todos os tamanhos - poderá ter repercussões noutros.
  • Espera-se que as autoridades monetárias da Zona Euro façam história na próxima reunião do Banco Central Europeu (BCE) a 22 de Janeiro. Os observadores antecipam que o presidente do BCE, Mario Draghi, e os seus colegas vão finalmente atravessar o Rubicão e anunciar o lançamento de um programa de flexibilização quantitativa (QE) de grande escala - por outras palavras, a compra de um grande volume de títulos de dívida soberana. Embora o BCE tenha resistido ao QE por mais de cinco anos, mesmo com outros bancos centrais a adoptarem-no, Benoît Coeuré, membro do Conselho Executivo, já lhe chamou "opção de base".
  • Por que razão é que os comentários dos banqueiros centrais das principais economias do mundo captam uma atenção desmesurada nos dias que correm? Não é que estejam a mexer a toda a hora nas taxas de juro. Nem é que tenham desenvolvido novos modelos, mais robustos, de análise económica. Pelo contrário: as projecções para o crescimento e para a inflação feitas pelos principais bancos centrais nos anos que sucederam à crise financeira têm sido consistentemente sobrestimadas – e por largas margens.
23 de Janeiro | Câmbios
O euro continua a sentir a pressão da decisão do BCE de comprar dívida pública, continuando a negociar em mínimos de Setembro de 2003. A tendência de queda já levou a que moeda única europeia transaccione na casa dos 1,12 dólares.
23 de Janeiro | Bolsa
Depois de uma quinta-feira com fortes ganhos, após o anúncio de compra de dívida por parte do BCE, as bolsas dos EUA não resistiram e fecharam em queda. A penalizar o sentimento dos investidores esteve, sobretudo resultados de cotadas.
dossier Weekend
António Arnaut: "Acuso o Governo por algumas das mortes nas urgências"
Acuso o Governo, pela sua política de cortes excessivos, de ser responsável por algumas das mortes que ocorreram nas urgências. António Arnaut cita o amigo Miguel Torga: "A liberdade é uma penosa conquista da solidão" para dizer que às vezes se sente sozinho.
pub

pub

25
Domingo
Janeiro 2015
    Documentos Negócios
    consulte ou faça download
    Premiar e promover o sucesso das empresas nacionais