Conheça a primeira página do Negócios
A primeira página do Negócios, o acesso
ao ePaper
A Comissão de Protecção de Dados vai averiguar se há dados sensíveis nas facturas que chegam ao Fisco, agora que o NIF é obrigatório para se ter direito deduções básicas, como no caso da saúde. Organismo diz que não foi consultado previamente pelo Governo.
A captação recorde de poupanças através de certificados neste primeiro mês do ano, em antecipação ao corte dos juros, deverá dar um forte impulso às receitas da empresa liderada por Francisco Lacerda.
27 de Janeiro | Bolsa
Após 55 novos recordes em 2014, o S&P 500 ainda voltou a máximos históricos este ano. Os resultados das empresas têm defraudado as expectativas, penalizado pela valorização do dólar.
27 de Janeiro | Finanças Públicas
Um economista da Bloomberg fez as contas ao cenário mais extremo e concluiu que, mais do que os contribuintes alemães, serão os portugueses os mais prejudicados em caso de um incumprimento total grego: 550 euros por habitante. Leia aqui o que quer o Syriza, o que a Europa diz estar disposta a negociar e como Portugal pode ser afectado.
27 de Janeiro | Zona Euro
Os elementos do novo Executivo helénico já foram anunciados. Confirma-se a expectativa de uma escolha de ministros que se opuseram aos memorandos assinados entre a troika e Atenas. Será um Governo com 11 ministros. Os membros do Executivo serão empossados ainda esta terça-feira. A primeira reunião de ministros deverá ocorrer já amanhã.
27 de Janeiro | Economia
Yanis Varoufakis, o novo homem das finanças gregas, é economista, professor universitário e promete apresentar à Europa propostas que "nem Schäuble poderá recusar".
Os credores da Oi aprovaram a venda da PT Portugal à Altice, mas com a condição de o encaixe ser utilizado na redução da dívida da empresa ou na consolidação do sector de telecomunicações no Brasil.
27 de Janeiro | Telecomunicações
A procura superou "múltiplas vezes" a oferta. É assim que um banqueiro refere à Reuters o sucesso da emissão de obrigações da Altice, de 4,6 mil milhões de euros, para financiar a compra da PT Portugal.
A Colt reforçou a sua rede de alto débito em Portugal, construindo um anel que liga Porto, Lisboa e Madrid a toda a rede internacional da operadora.
27 de Janeiro | Justiça
Há contactos, inseridos no processo Monte Branco, entre o primeiro-ministro e Ricciardi que podem ser relevantes para a comissão de inquérito. O grupo parlamentar comunista quer conhecê-los.
00:01 | Transportes
A Associação Nacional de Transportadores Rodoviários de Pesados de Passageiros requereu à Metro do Porto informação sobre "todos os subsídios, financiamentos, auxílios, subvenções e ajudas públicas" recebidos pelas empresas que ficarão com a subconcessão das empresas de transporte do Porto.
00:01 | Transportes
A empresa está interessada em ganhar a exploração do estacionamento na cidade, que a autarquia irá concessionar, mas discorda do pagamento inicial exigido no concurso.
27 de Janeiro | Aviação
A emissão de bilhetes em Angola passará a estar limitada a voos a iniciar em Luanda. As limitações impostas às exportações de capitais e da escassez de divisas estrangeiras no país acabam por justificar a decisão.
00:01 | Empresas
Ano de “bola” – com a transmissão do Mundial no Brasil e com a realização do final da Champions em Lisboa – e de Rock in Rio ajudou o mercado a crescer 10%. Carat acredita que 2015 pode tornar “constante” a subida.
00:01 | Tecnologias
A Tyco adquiriu a totalidade do capital da tecnológica portuguesa Creativesystems, criada há 12 anos por um engenheiro electrotécnico que saiu da Philips para cumprir o “sonho” de ser empresário.
PUB
27 de Janeiro |
Renault ZOE
Os automóveis eléctricos já não são o que eram. Que o diga a Renault que ao lançar o Renault Zoe
PUBLICIDADE
Braço direito de Maria Luís Albuquerque com a responsabilidade pela política orçamental diz que não há almoços grátis em economia, defende a estratégia seguida até aqui e responde à troika com resultados.
A expectativa em torno de novas medidas da autoridade monetária para travar a queda da inflação levou os indexantes do crédito para mínimos históricos. As famílias vão sentir uma nova descida dos encargos. O impacto da queda da Euribor para negativo é incerto.
Ainda que sejam poucas, têm sido realizadas operações entre os bancos com taxas negativas no mercado interbancário. Isso já levou a Euribor a fixar-se abaixo de zero no prazo a um mês.
00:01 | Economia
Esse será a duração mínima do contrato para os cerca de dez mil desempregados que serão envolvidos no projecto-piloto que prevê que empresas privadas lhes encontrem colocação, em troca de uma remuneração do Estado.
27 de Janeiro | Empresas
A política de benefícios, a formação contínua e o apoio à maternidade estão entre as regalias que colocam a Ericsson no topo da lista das melhores empresas para trabalhar, segundo a Exame. Em segundo lugar surge a Hilti Portugal e, em terceiro, a Philips.
27 de Janeiro | Saúde
Os sete chefes do serviço de urgência do hospital Garcia de Orta, em Almada, recuaram no pedido de demissão que apresentaram esta segunda-feira. Toda a equipa continua em funções, garante a administração.
27 de Janeiro | Empresas
O presidente da Entidade Nacional para o Mercado dos Combustíveis, Paulo Carmona, revelou esta terça-feira no Parlamento, que o organismo que lidera irá iniciar já em Março uma inspecção às quantidades de combustível que são efectivamente vendidas aos consumidores nos postos de norte a sul do país.
27 de Janeiro | Economia
Estudo do Observatório das Alternativas baseia-se nos quadros de pessoal de 2012 para concluir que apenas 25% ganha acima de 1000 euros.
Editorial
  • Helena Garrido
    Um dos mistérios da economia portuguesa é a ausência de grandes empresas com marcas firmadas no mundo e a tendência para os empresários caírem na tentação de vender assim que têm uma oferta de compra. Não conseguimos fazer crescer as empresas. Vão vivendo pequenas nas mãos dos mesmos donos ou, quando bem-sucedidas, são vendidas.
  • André Veríssimo
    O Syriza ganhou as eleições. Perdeu o medo e os que fizeram dele arma política. A Grécia mudou. Mas os foguetes ainda vão no ar. Será quando caírem no chão, no embate com a realidade, que vamos saber o quão mudou a Europa.
  • Helena Garrido
    A vitória eleitoral do Syriza na Grécia pode ser a mudança que a Zona Euro precisava para sair da armadilha da dívida em que está. Os gregos querem o euro, a Europa tem de querer a Grécia. E Alexis Tsipras revelou ao longo deste caminho que o levou ao poder que sabe substituir radical por sensatez.
27 de Janeiro | Economia
As "perspectivas de crescimento de médio prazo para a Irlanda são positivas", conclui o Fundo Monetário Internacional após visita a Dublin. No entanto, avisa que a estagnação económica da Zona Euro "representa riscos" para a economia celta.
27 de Janeiro | Research
O BPI tem uma exposição a Angola que tem de reduzir. O que danifica os rácios de capital. E prejudica a eventual compra do Novo Banco. O Santander é quem está, segundo a Autonomous, numa melhor posição para a operação.
27 de Janeiro | Research
Para este ano, o BBVA vê "duas grandes ameaças" para o desempenho do BPI: os "fracos rácios" de eficiência na operação portuguesa do banco e o "modelo de negócio desequilibrado em Angola".
27 de Janeiro | Economia
Assunção Cristas e Álvaro Santos Pereira foram condenados em 2013 a uma multa diária de 43,65 euros. Passou mais de um ano, mas ainda não pagaram nada porque o tribunal ainda não conseguiu calcular a multa. Desfecho é conhecido esta semana.
27 de Janeiro | Gestão e Gestores
O especialista em relações laborais descreve as consequências da progressiva desregulação do mercado de trabalho e refere que o trabalhador português privilegia um modelo sindical mais dialogante e menos radical.
economistas Em colaboração com Project Syndicate
  • Quando a União Europeia (UE) organizou a sua primeira cimeira sobre crescimento e emprego em 1997, o desemprego situava-se nos 11%. No Outono passado, decorreu outra e não parecia que tivesse mudado muito. O desemprego na Zona Euro era de 11,5% - acima do mínimo de 6,8% no primeiro trimestre de 2008.
  • Há muito que as relações diplomáticas na Ásia Oriental estão reféns da história. Mas o "problema histórico" da região tem sido intensificado ultimamente, com o crescente nacionalismo de importantes actores regionais como a China, Japão e Coreia do Sul a alimentar disputas por temas muito variados, desde territoriais e dos recursos naturais, até questões de monumentos de guerra e livros de texto escolares. Podem os países da Ásia Oriental superar o seu passado de conflitos e forjar um futuro comum que beneficie a todos?
  • O primeiro-ministro francês Manuel Valls não estava a falar de forma metafórica quando disse que França está em guerra com o Islão radical. Há, de facto, uma guerra de pleno direito em andamento, e os hediondos ataques terroristas em Paris fazem parte dela. No entanto, como a maioria das guerras, esta não está relacionada apenas com religião, fanatismo e ideologia. Tem a ver também com geopolítica, e é na geopolítica que reside a sua solução definitiva.
  • Desde a crise financeira mundial e da recessão de 2007-2009, as críticas à profissão de economista intensificaram-se. O falhanço da maioria dos economistas em prever estes episódios – cujas repercussões ainda subsistem – levou muitos a questionarem se a profissão de economista contribui com algo significativo para a sociedade. Se não são capazes de antecipar algo tão importante para o bem-estar das pessoas, o que fazem de bom?
  • Depois de mais de trinta anos de crescimento extraordinário, a economia chinesa está a mudar para um modelo de crescimento mais convencional – e um difícil reequilíbrio está a caminho, afectando quase todos os aspectos da economia.
27 de Janeiro | Mercados
Espanha foi ao mercado esta terça-feira e financiou-se em mais de 2,5 mil milhões de euros a curto prazo, tendo conseguido taxas próximas de 0% . Esta é assim a primeira emissão desde que o BCE anunciou o programa de compra de dívida soberana.
27 de Janeiro | Economia
A seguradora de crédito Coface anunciou esta terça-feira a melhoria da classificação de risco das empresas portuguesas, passando-o de B para B+, o que sinaliza a proximidade de uma subida.
27 de Janeiro | Aviação
A terceira proposta foi tornada pública esta segunda-feira. A oferta da dona da British Airways avalia a Aer Lingus em 1,36 mil milhões de euros. A administração da empresa já se mostrou favorável à mesma.
dossier Weekend
António Arnaut: "Acuso o Governo por algumas das mortes nas urgências"
Acuso o Governo, pela sua política de cortes excessivos, de ser responsável por algumas das mortes que ocorreram nas urgências. António Arnaut cita o amigo Miguel Torga: "A liberdade é uma penosa conquista da solidão" para dizer que às vezes se sente sozinho.
pub

pub

28
Quarta-feira
Janeiro 2015
    Documentos Negócios
    consulte ou faça download
    Premiar e promover o sucesso das empresas nacionais