Conheça a primeira página do Negócios
A primeira página do Negócios, o acesso
ao ePaper
21:38 | Legislativas
António Costa está a escrever cartas aos eleitores indecisos e esta sexta-feira, em pré-publicação exclusiva, o Negócios dá a conhecer a quinta missiva, em que o líder do PS se debruça sobre a necessidade de deixar a austeridade para trás, porque, diz, ela não dá resultado.
O montante confiado pelas famílias aos bancos continua a aumentar, apesar da queda das taxas. Mais de um quarto de todo o dinheiro em depósitos não está a render nada. Está à ordem.
19:06 | Zona Euro
É a primeira vez que a Grécia tem uma primeira-ministra. A presidente do Supremo Tribunal, Vassiliki Thanou, tomou posse às 18h00 de Lisboa e manterá o cargo pelo menos até às eleições legislativas. Esta sexta-feira serão conhecidos os restantes membros do governo interino.
21:40 | Mercados
À semelhança do que aconteceu esta quarta-feira, Wall Street voltou a encerrar com ganhos acentuados. Neste dois dias, os mercados norte-americanos registaram mesmo o maior ganho desde 2009. Ainda assim, não foi suficiente para anular as quedas registadas no início da semana, consequência da "segunda-feira negra" chinesa.
16:46 | Bolsa
A bolsa nacional acompanhou o optimismo das praças europeias, que registam ganhos em torno de 3%. Por cá, a cotada que mais impulsionou foi a Galp Energia, com uma valorização de 7,22%.
Dados da Entidade Nacional para o Mercado de Combustíveis revela um crescimento na procura por ambos os combustíveis. O consumo acumulado desde o início do ano está acima do registado em 2014.
Os lesados do BES terminaram cerca das 16h00 uma manifestação de cinco horas junto à sede do Novo Banco, na Avenida da Liberdade, em Lisboa, onde foram recebidos por dezenas de polícias e gradeamento antimotim.
O ministro da Presidência e Assuntos Parlamentares remeteu esta quinta-feira o eventual impacto no défice do processo de resolução do extinto BES para futuras decisões pelas instâncias europeias, após a reunião do executivo, em Lisboa.
20:09 | Europa
A Ucrânia chegou a acordo com um grupo dos seus principais credores, tendo conquistado uma extensão do prazo de pagamento, um perdão de dívida e uma taxa de juro fixa para todas as maturidades. De fora do acordo ficou a Rússia.
As principais bolsas europeias avançaram cerca de 3%, seguindo os ganhos nos mercados asiáticos. O petróleo está a disparar 7% para acima dos 45 dólares. O euro desvaloriza.
10:34 | Bolsa
As acções do banco liderado por Nuno Amado estão a beneficiar do aparente passo atrás do Governo polaco na lei sobre conversão de créditos. Depois de, na segunda-feira, terem atingido mínimos de 2013, os títulos do BCP estão em alta pela terceira sessão consecutiva.
18:33 | Construção
A empresa continua com prejuízos, mas com uma melhoria de 72% face ao período homólogo, adiantou a sociedade em comunicado à CMVM.
18:45 | Comércio
O grupo de distribuição de papel registou queda de 4,8% das vendas nos últimos seis meses em que José Félix Morgado foi CEO da empresa. Lucros recuaram para um milhão de euros.
18:21 | Transportes
O secretário de Estado das Infra-estruturas, Transportes e Comunicações respondeu esta quinta-feira, 27 de Agosto, às críticas sobre os processos de privatização dos transportes colectivos do Porto em cima das eleições recordando que a decisão fora tomada logo em 2011.
12:27 | Câmbios
O UBS prevê que o euro chegue aos 1,05 dólares, com o possível aumento do programa de compra de activos do BCE. É uma oportunidade para vender, diz o estratega da unidade de gestão de riqueza do banco.
00:01 | Bolsa
A escalada da bolsa chinesa colocou uma "armada" de empresas no "ranking" das mais valiosas, mas o colapso está a afastá-las. Já só há uma no "top" 10. Os EUA dominam, mas as maiores ficaram mais pequenas.
11:51 | Bolsa
Segundo fontes citadas pela Bloomberg, o Governo chinês terá comprado acções de grandes empresas do país, acabando por impulsionar a bolsa da China, que valorizou mais de 5% na sessão desta quinta-feira.
09:43 | Petróleo
O preço da matéria-prima está a acelerar com a recuperação dos mercados accionistas. A quebra das reservas norte-americanas também contribuiu para que o petróleo voltasse a superar a fasquia dos 40 dólares nos EUA.
16:27 | Automóvel
A fabricante automóvel italiana Ferrari está a considerar a nomeação de Sergio Marchionne, que já era o presidente do grupo Fiat Chrysler, para o cargo de administrador executivo, depois de Amedeo Felisa ter anunciado que se ia reformar nos próximos meses.
Cada voto vale dinheiro para os partidos. O Negócios explica como é que são atribuídos os subsídios aos partidos depois das eleições.
13:24 | Transportes
O secretário de Estado das Infra-estruturas sublinha que a decisão do Conselho de Ministros desta quinta-feira eleva as poupanças totais com a renegociação das PPP rodoviárias para 7.353 milhões de euros, 153 milhões acima do objectivo do Governo.
PUBLICIDADE
Editorial
  • Celso Filipe
    "Nunca acendas um fogo que não possas apagar", aconselha um provérbio chinês. O Partido Comunista Chinês foi acendendo vários fogos, alimentado pela construção de um novo modelo económico, o do capitalismo de Estado, sempre acreditando que tinha as chamas controladas.
  • André Veríssimo
    As empresas alemãs estão a pagar a energia mais barata da última década. Como português, que se habituou à ideia de que os preços da electricidade quase só sobem, confesso a minha perplexidade.
  • Helena Garrido
    Ainda estamos nos cuidados intensivos e já enfrentamos nova ameaça, séria, muito séria. Se a China não for capaz de travar a onda vermelha dos mercados esperam-nos tempos muito difíceis. Porque as taxas de juro estão em zero, porque a inflação está quase em zero, porque as economias estão ainda a gatinhar.
  • Helena Garrido
    Há nuvens de tempestade no horizonte financeiro. China, Brasil e Rússia estão na origem desta ameaça. Meras correcções ou mais uma crise? As opiniões dividem-se. Quem arrisca dinheiro está a jogar pelo seguro e a sair de investimentos expostos aos mercados emergentes. No estado ainda débil das economias ocidentais e com as taxas de juro na fronteira do zero, um novo abalo financeiro chegaria na pior altura. O que esperar para Portugal?
13:26 | Economia
Foi igualmente aprovado o diploma que clarifica a passagem à reserva e reforma dos militares da Guarda Nacional Republicana, harmonizando-o com o regime aplicável aos militares das Forças Armadas.
12:06 | Impostos
A medida, que tira 300 mil euros ao orçamento municipal, foi aprovada esta quinta-feira, de acordo com um comunicado da autarquia.
O fundo soberano norueguês, o maior do mundo, perdeu mais de 5% dos seus investimentos no mês passado. Este dado avançado pela instituição surge depois de as acções chinesas terem registado a maior onda de vendas em duas décadas.
economistas Em colaboração com Project Syndicate
  • Quando os responsáveis pelas políticas financeiras tentam promover o crescimento económico, quase invariavelmente centram-se na busca de novas formas de libertar capital. Mas apesar de esta abordagem poder ter resultado no passado, existe o risco de que não se preste a devida atenção ao papel desempenhado pelo talento na altura de gerar e concretizar ideias que tornam possível o crescimento.
  • Os responsáveis políticos europeus gostam de dar lições ao resto do mundo sobre a poluição atmosférica. A Ásia, e a China em particular, é o alvo preferido para as críticas.
  • Um tema persistente – na verdade, o fio condutor – da forma como os líderes alemães discutem a Zona Euro é a sua insistência na importância de seguir as regras.
  • Um sentimento comum entre os investidores na China é que a melhor maneira de ganhar dinheiro é negociando com frequência, para que não acabem com a batata quente na mão. Contudo, pela minha experiência, comprar e manter boas empresas é a única maneira de alcançar excelentes retornos.
  • Desde a crise financeira global de 2008 surgiu um paradoxo nos mercados financeiros das economias avançadas. As políticas monetárias não convencionais geraram um excesso gigantesco de liquidez. No entanto, uma série de choques recentes sugere que a liquidez macroeconómica está agora associada a uma severa iliquidez do mercado.
09:32 | Conjuntura
O PIB espanhol cresceu 1,0% no segundo trimestre, quando comparado com os três meses anteriores. Este valor corresponde a uma taxa de crescimento anualizada de 4%, o que representa o maior ritmo de crescimento desde 2007.
Os potenciais interessados na compra da TAP por parte do consórcio Gateway já se podem pronunciar sobre a operação. A Concorrência já foi notificada, por isso, os interessados têm 10 dias para se pronunciar.
dossier Weekend
As crises, o direito à indignação, as mulheres e a Nação
Ana Vidigal, Paulo Cunha e Silva, Ana Cássia Rebelo e André e. Teodósio. Uma artista plástica, um médico nas artes, uma jurista e um actor. Quatro entrevistas num tempo de Verão. Perspectivas do mundo e memórias de Verão. A ler com calma.
pub

 

pub

27
Quinta-feira
Agosto 2015