17:49
02-10-2013_22_59_21 Portugal bandeira Lisboa imobiliário.JPG
Portugal vai pagar 60 mil milhões de euros em juros da dívida entre 2014 e 2020, dos quais mais de 1.200 milhões de euros irão anualmente para os fundos europeus que contribuíram para o resgate, segundo estimativas de Bruxelas.
17:43
Saiba o que é o Conselho de Direitos Humanos da ONU
Esta é a primeira vez que Portugal é eleito para este Conselho das Nações Unidas. Criado em 2005, tem por objectivo elevar os direitos humanos ao mesmo patamar institucional com que já são tratadas na ONU as questões de paz e segurança e as relacionadas com o desenvolvimento.
17:22
Portugal eleito para o Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas
A Assembleia Geral das Nações Unidas elegeu esta terça-feira Portugal, com 184 votos, para o Conselho de Direitos Humanos. É a primeira vez que o país integra este organismo que observa a protecção e a promoção internacional dos direitos humanos.
17:01
Governo alarga casos em que é preciso ter advogado para tratar com o Fisco em tribunal
A proposta de Orçamento do Estado altera as alçadas dos tribunais tributários e alarga o número de situações em que é preciso constituir advogado. Ao mesmo tempo, diminui as possibilidades de os pequenos conflitos com o Fisco poderem ser objecto de recurso.
16:28
Durão Barroso diz que a UE está mais integrada mas é preciso continuar as reformas estruturais
No que deverá ser o último discurso no Parlamento Europeu e que serviu para assinalar o balanço dos mandatos de Durão Barroso enquanto presidente da Comissão, o português mostrou-se “orgulhoso” com o trabalho feito pela Europa e criticou aqueles que “sonham com o passado”. Para os que criticam as políticas de austeridade no âmbito europeu, Durão garantiu que “se não houve maior investimento é porque algumas capitais se opuseram a isso”.
14:27
Passos: Governo vai criar "uma cláusula de salvaguarda" no IRS para não prejudicar famílias sem filhos
O primeiro-ministro anunciou esta terça-feira que o Governo criará "uma espécie de cláusula de salvaguarda que impedirá que famílias sem filhos sejam prejudicadas" no âmbito da nova reforma do IRS.
14:16
Governo não concretiza como poupará 100 milhões com prestações sociais
Foi um dos temas centrais do debate parlamentar sobre o Orçamento do Estado para o próximo ano. O Governo não explica como vai poupar 100 milhões com as prestações sociais.
14:13
“Tribunal de Contas não tem dados actualizados” sobre benefícios fiscais às empresas
Paulo Núncio desvaloriza o relatório do Tribunal de Contas onde a instituição diz que são concedidos muitos mais milhões de euros em benefícios fiscais, nomeadamente às empresas, do que aqueles que as Finanças divulgam.
13:13
Orçamento com menos mil milhões de euros de fundos estruturais em 2015
O Governo confirma que haverá no próximo ano uma redução significativa de aplicação de fundos comunitários na economia, que explica com "efeitos de transição" entre quadro comunitários.
12:46
Estado conta arrecadar mais 2 mil milhões com impostos indirectos
O Governo conta com um aumento de 1.922 milhões de euros nos impostos indirectos justificado com alterações nas taxas, com mais combate à fraude e com o crescimento económico. Peso na economia sobe de 14% para 14,7% do PIB. Veja aqui todos os números.
12:35
União Europeia aprova dois comissários que faltavam para completar a equipa de Juncker
Bruxelas deu luz verde aos dois comissários que faltava nomear por forma a completar a equipa da futura Comissão Europeia que será liderada por Jean-Claude Juncker. Caso o Parlamento Europeu vote favoravelmente, esta quarta-feira em plenário, a equipa da nova Comissão, esta iniciará funções no dia 1 de Novembro.
12:02
Governo lembra que descida de IRC teve o apoio do PS
A ministra das Finanças e o secretário de Estado do Fisco lembram ao PS que apoiou a reforma do IRC e a equipa que avaliou e propôs a nova descida em 2015 tem um elemento dos socialistas.
11:53
Passos Coelho diz que Orçamento do Estado para 2015 "é o que pode ser"
O Orçamento "tem equilíbrio e responsabilidade porque o Estado não está ainda em condições de poder devolver tudo, mas tem sinais importantes que mostram às pessoas que tempos mais agudos estão por agora vencidos", disse o primeiro-ministro.
11:51
Passos Coelho diz que colocação de professores deve ser competência a descentralizar
O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, reconheceu hoje que a colocação de professores "é uma competência que pode ser descentralizada", defendendo a descentralização em áreas como a educação, a saúde e o apoio social.
pub