Finanças Públicas  Bruxelas prevê Portugal com mais dívida pública em 2016 e menos nos anos seguintes

Bruxelas prevê Portugal com mais dívida pública em 2016 e menos nos anos seguintes

O peso da dívida pública voltou a subir no ano passado, ao contrário do que previa o governo, mas deverá cair nos próximos, ainda que abaixo do que espera Lisboa.
Eva Gaspar 13 de fevereiro de 2017 às 16:35

Depois de ter caído em 2015 pela primeira vez em décadas, o rácio da dívida pública voltou a subir em 2016, ao passar de 129% para 130,5% do PIB.


A nova estimativa de Bruxelas, divulgada nesta segunda-feira, 13 de Fevereiro, no âmbito das Previsões de Inverno, significa uma revisão em alta, em duas décimas, face ao que a Comissão Europeia antecipava no Outono.

O peso da dívida pública portuguesa é o terceiro mais alto da União Europeia, sendo apenas superado na Grécia (177,2% do PIB) e em Itália (133,3%).

A nova previsão de Bruxelas fica acima do esperado pelo governo, que fizera o Orçamento do Estado de 2016 com uma descida do rácio da dívida para 127,7% do PIB.

Em contrapartida, Bruxelas reviu em baixa o rácio da dívida pública para este ano e para o próximo, antecipando 128,9% e 127,1% do PIB, o que significa menos seis e sete décimas, respectivamente, face às previsões do Outono passado.


Embora mais baixa, a previsão de Bruxelas para este ano continua ligeiramente acima da do governo, que  prevê um rácio equivalente a 128,3% do PIB no Orçamento de 2017.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub