Economia Fed diz que economia dos EUA cresceu a um ritmo modesto a moderado

Fed diz que economia dos EUA cresceu a um ritmo modesto a moderado

Nas últimas semanas, a economia continuou a crescer em todo o território norte-americano, a um ritmo modesto a moderado, diz o Livro Bege da Reserva Federal.
Fed diz que economia dos EUA cresceu a um ritmo modesto a moderado
Bloomberg
Carla Pedro 17 de janeiro de 2018 às 19:25

A Reserva Federal norte-americana anunciou esta quarta-feira, no seu Livro Bege, que o crescimento do país foi "modesto a moderado" entre finais de Novembro de 2017 e o fim do ano.

 

O ritmo de expansão esteve assim repartido entre "modesto e moderado" nas 12 regiões distritais abrangidas por esta análise do Livro Bege – que se baseia em sondagens económicas levadas a cabo pelos 12 bancos regionais da Fed em todo o país e que é publicado oito vezes por ano.

 

Segundo este documento, 11 regiões distritais reportaram um crescimento modesto a moderado, ao passo que Dallas registou um aumento robusto. Quanto ao panorama para 2018, mantém-se optimista na maior parte do país.

 

No final do ano passado, o mercado laboral continuou a crescer a um ritmo modesto face ao relatório anterior. A maioria das regiões distritais referiu contudo que continua a enfrentar desafios no que respeita a encontrar trabalhadores qualificados em todas as competências e sectores. Algumas regiões sublinharam ainda que as empresas estimam que os salários aumentem nos próximos meses.

 

No seu Livro Bege, a Fed sinaliza que a maioria das regiões distritais reportou um aumento das vendas no retalho, excluindo o sector automóvel, e que as vendas de veículos registaram uma tendência mista.

 

Alguns retalhistas apontaram um aumento acima do esperado das vendas na época natalícia. Já a actividade do mercado imobiliário residencial manteve-se limitada em todo o país. Com efeito a maioria das 12 regiões reportou um crescimento débil nas vendas de casas, devido sobretudo a um inventário de habitações bastante limitado.

 

Quanto aos preços, a maior parte das regiões disse que o crescimento da inflação foi modesto a moderado. Entre as excepções esteve Chicago, que apontou um aumento de preços muito ligeiro, e São Francisco, que disse que os preços desceram um pouco.

 

O Livro Bege é divulgado duas semanas antes de os responsáveis da Fed tomarem nova decisão quanto à política monetária do país. A próxima reunião do Comité Federal do Mercado Aberto (FOMC) da Fed está agendada para 30 e 31 de Janeiro, em Washington.

 

Essa será a última reunião da Fed com Janet Yellen aos comandos do banco central, já que o testemunho será passado a Jerome "Jay" Powell a 3 de Fevereiro.

As 12 regiões distritais da Fed são Boston, Nova Iorque, Filadélfia, Cleveland, Richmond, Atlanta, Chicago, St. Louis, Minneapolis, Kansas City, Dallas e São Francisco.




pub