IRS A mecânica do IRS
IRS

A mecânica do IRS

Do rendimento bruto ao IRS a pagar vai uma longa distância. Saiba como funciona a “mecânica” do IRS.




A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 20.06.2017

Errado, grande distância vai do Rendimento Bruto ao Rendimento Líquido, ao IRS a pagar nem tanto.

António 20.06.2017

O título podia ser "Do esquema que apresentamos ao cálculo do IRS a pagar vai uma grande distância. Fique com uma ideia muito insuficiente sobre o funcionamento do processo de determinação do valor final do seu IRS". Onde estão, por exemplo, a aplicação do quociente conjugal e da parcela a abater?

Anónimo 20.06.2017

Em Portugal aplica-se 48% de taxa de IRS para os rendimentos que excedam os 80 mil €./ano.
Nos EUA aplica-se 39,6% de taxa de IRS para os rendimentos que excedam os 418.400 USD/ano.
Oh! sra jornalista nem é preciso fazer contas.

Anónimo 20.06.2017

Em Portugal 47% das 5 milhões de declarações anuais de IRS não pagam imposto porque as respectivas famílias não teem suficiente rendimento. Qual a % nos routros países.? Essa é a comparação relevante para atestar a pobreza relativa dos portugueses.

ver mais comentários
pub