Economia A cada dia que passa, há 870 novos desempregados na Grécia

A cada dia que passa, há 870 novos desempregados na Grécia

A taxa de desemprego grega subiu para 21,7% em Fevereiro, quando, em igual mês do ano passado, a taxa se situava nos 15,2%. Num ano, mais de 318 mil pessoas entraram no desemprego.
Diogo Cavaleiro 10 de Maio de 2012 às 12:42
Há 870 novos desempregados na Grécia a cada dia. A realidade foi hoje divulgada pelo serviço de estatísticas da Grécia.

Foram mais de 318 mil pessoas aquelas que entraram na lista de desempregados entre Fevereiro de 2011 e o mesmo mês de 2012. Este número, dividido pelos 366 dias do ano, resulta nas 870 pessoas que ficaram desempregadas no referido período.

Neste momento, há 1,07 milhões de pessoas desempregadas na Grécia, de um total de 4,9 milhões de gregos da população activa.

A taxa de desemprego, ao mesmo tempo, subiu para 21,7% em Fevereiro deste ano, quando, em 2011, a taxa se fixava em 15,2%. No mesmo mês de 2010, o número estava nos 11,1%. Na análise com o mês anterior, a taxa de desemprego também é mais negativa: em Janeiro, estava nos 21,3%.

Os jovens continuam a apresentar a taxa de desemprego mais elevada: 53,8%. O que significa que, praticamente, 54 em cada 100 jovens a viver na Grécia, com idades entre os 15 e 24 anos, estão desempregados.

Um dos efeitos da austeridade que a Grécia está a sentir, como também nas restantes economias da Europa periférica, é o aumento do número de desempregados, já que o esforço de contenção de custos, para a consolidação das contas públicas e privadas, acaba por se reflectir na redução das despesas com pessoal.

Os números do desemprego helénico foram divulgados numa altura em que, no país do sul da Europa, se regista um momento de particular tensão. Foram realizadas eleições que não deram um mandato claro a um partido para formar governo. Os dois partidos mais votados, nesta altura, já admitiram não serem capazes de formar governo, estando este esforço, agora, nas mãos da terceira força política mais votada nas eleições, o Pasok.



A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
asCetagbklrm Há 3 semanas

http://lisinopril5mg.date/ - lisinopril http://cymbaltamedication.us/ - cymbalta http://buylasix.gdn/ - as an example http://buymotilium.space/ - motilium http://augmentingeneric.us/ - full article http://motrinonline.science/ - related site http://otcviagra.us/ - otc viagra

asCetaix86xz Há 5 dias

http://fluoxetine-20-mg.xyz/ - fluoxetine 20 mg http://furosemideonline.xyz/ - furosemide http://acyclovir-cream.us/ - acyclovir http://citalopram-online.bid/ - citalopram

Jorge 10.05.2012

Com tantos factos e evidências a cega estrategia deste governo espelha-se nos resultados na Grecia, não acordem para a realidade que mais tarde pode ser tarde, pois na ponta de uma corda, deve ser dificil corrigir os erros.

naolivre 10.05.2012

investe na Grécia (e nós para lá caminhamos se dermos ouvidos aos BE, PCP e PS) e "Madres Teresas de Calcutá" são raríssimas...

pub