Europa Assessor do governo da Catalunha alvo de buscas por causa do referendo  

Assessor do governo da Catalunha alvo de buscas por causa do referendo  

Sanchéz é assessor do Departamento do Governo Autónomo, dirigido pela conselheira Meritxell Borràs, antiga dirigente da Esquerda Republicana da Catalunha, que coordenou um concurso para a compra de urnas de voto.
Assessor do governo da Catalunha alvo de buscas por causa do referendo  
Andrea Comas/Reuters
Lusa 20 de setembro de 2017 às 09:21

A Guardia Civil está a realizar buscas na residência particular de Joan Ignasi Sanchez, em Barcelona, assessor da antiga responsável da Esquerda Republicana da Catalunha.

 

As buscas enquadram-se nas investigações que foram ordenadas pelo Tribunal de Instrução número 13 de Barcelona que investiga os preparativos do referendo sobre a independência marcado para o dia 1 de Outubro, suspenso por ordem do Tribunal Constitucional.

 

Sanchéz é assessor do Departamento do Governo Autónomo, dirigido pela conselheira Meritxell Borràs, antiga dirigente da Esquerda Republicana da Catalunha, que coordenou um concurso para a compra de urnas de voto.

 

Frente à residência de Joan Ignasi Sanchéz encontram-se cerca de 40 pessoas que protestam contra as buscas da polícia.

 




A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Criador de Touros 20.09.2017

A Catalunha desde sempre que teve ambições independentistas, mas nunca tiveram power para o fazer. Parasitaram Madrid e agora querem armar-se em bons ?

Anónimo 20.09.2017

Há algum processo independentista que cumpra a lei? ahahah
Seguindo a lei nunca teria existido Portugal.
Força de Catalunya! No es intimidi.

Criador de Touros 20.09.2017

A justiça espanhola tem de deter os cabecilhas, julgá-los e mete-los na prisão.Basta aplicar a lei.

Anónimo 20.09.2017

Força a Catalunya!!

pub