Economia Associação de Vítimas de Pedrógão Grande realça presença "constante" de Marcelo no território

Associação de Vítimas de Pedrógão Grande realça presença "constante" de Marcelo no território

A presidente da Associação de Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande (AVIPG), Nádia Piazza, realçou esta segunda-feira a presença "constante" do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, no território afectado pelo incêndio de Junho.
Associação de Vítimas de Pedrógão Grande realça presença "constante" de Marcelo no território
Lusa
Lusa 25 de dezembro de 2017 às 13:01

"O senhor Presidente da República tem sido uma presença constante, não só fisicamente, mas de alma e coração", afirmou Nádia Piazza, que falava aos jornalistas antes da missa que decorreu esta manhã na igreja matriz da vila de Pedrógão Grande, e na qual participa Marcelo Rebelo de Sousa.

 

Segundo Nádia Piazza, este dia era já aguardado "há muito tempo" pelos familiares das vítimas, sendo que a presença de Marcelo Rebelo de Sousa aconteceu de forma "muito natural".

 

Para a presidente da AVIPG, que perdeu o filho no incêndio, este é "um dia especial". "É um dia muito vazio e tentamos, de alguma forma, estando juntos, não termos tantas cadeiras vazias", disse Nádia Piazza, visivelmente emocionada.

 

Durante o dia de hoje, está também previsto que Marcelo Rebelo de Sousa participe num almoço com familiares das vítimas, inaugure a nova sede da Associação de Vítimas do Incêndio de Pedrógão, na antiga escola primária da aldeia da Figueira, assista a um concerto em Figueiró dos vinhos e visite a Aldeia Natal na vila de Castanheira de Pera, onde deverá jantar no quartel da corporação local de bombeiros.




A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 3 semanas

Marcelo já se definiu há muito tempo. O que ele quer são votos, likes e dar palmadinhas nas costas. O excedentarismo dá-lhe votos, as pensões de reforma que dão tudo hoje e nada amanhã dão-lhe likes e as palmadinhas nas costas dos pobrezinhos e esquecidos é o que melhor sabe fazer sem contudo solucionar de modo inteligente, justo e sustentável o que quer que seja.

comentários mais recentes
Mr.Tuga Há 2 semanas

O afectos farta-se de passear para distribuir "afectos" e o tuga paga!!!!

Se vivêssemos de "afectos" seriamos o melhor sitio do mundo! Assim somos a maior cagadeir*a da Europa e da OCDE....

surpreso Há 3 semanas

Aluguem-lhe um quartinho e arranjem-lhe uma "primeira dama" a ver se sossega

Anónimo Há 3 semanas

Marcelo já se definiu há muito tempo. O que ele quer são votos, likes e dar palmadinhas nas costas. O excedentarismo dá-lhe votos, as pensões de reforma que dão tudo hoje e nada amanhã dão-lhe likes e as palmadinhas nas costas dos pobrezinhos e esquecidos é o que melhor sabe fazer sem contudo solucionar de modo inteligente, justo e sustentável o que quer que seja.

JCG Há 3 semanas

Neste particular, apoio o PR. Se ele não mantiver a pressão a coisa cairá rapidamente no esquecimento - excepto de quem viu a sua vida destruída especialmente pela morte de familiares.

ver mais comentários
pub