Segurança Social Associação de Reformados congratula-se com hipótese de aumento das pensões

Associação de Reformados congratula-se com hipótese de aumento das pensões

  A Associação de Pensionistas e Reformados (APRe!) congratulou-se hoje com a possibilidade de um aumento de 10 euros nas pensões, como defende o PCP e o BE, considerando-a "uma medida urgente".
Associação de Reformados congratula-se com hipótese de aumento das pensões
Lusa 03 de Outubro de 2016 às 13:28

Maria do Rosário Gama, presidente da APRe!, reagia desta forma à proposta avançada pelo líder do PCP, Jerónimo de Sousa, em entrevista ao Diário de Notícias e TSF, de um aumento geral de 10 euros em todas as pensões.

 

"É uma medida que é urgente porque as pensões mínimas são mesmo muito mínimas, e isso torna muito difícil a vida de quem vive só com esse valor", avançou à Lusa.

 

Maria do Rosário Gama lembrou ainda que as pensões mínimas já estiveram indexadas ao salário mínimo, uma medida que entretanto acabou, tendo sido depois criado, em 2005, o completo solidário para idosos.

 

Maria do Rosário Gama disse que a proposta do PCP é uma medida que a APRe "vê com bons olhos", defendendo que o aumento deve ser "igual para todos", apesar de poder ser estabelecido um tecto.

 

"A par disso, defendemos um descongelamento das pensões que estão congeladas há mais de 10 anos, com os pensionistas a perderem o poder de compra desde então", sublinhou.




A sua opinião10
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 03.10.2016


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

comentários mais recentes
Anónimo 03.10.2016


A MALTA DA ESQUERDA É COMPOSTA POR DOIS GRUPOS:

1 - Os LADRÕES (Inclui os FP e seus pensionistas): que andam a encher os bolsos à custa dos portugueses;

2 - Os BURROS: que ajudam os anteriores a roubar o povo, em nome da ideologia.

Anónimo 03.10.2016


Peeensionista da CGA

És proprietário da parte da pensão que corresponde aos descontos efetuados!

O resto, mais de metade, é uma esmola que os trabalhadores e os contribuintes portugueses te dão, 14 meses por ano.

Anónimo 03.10.2016

Não terá esta senhora vergonha de ir sacar aos jovens que ganham 600 euros o dinheiro para alimentar as pensões douradas que foram aumentadas por este Governo? É triste que um jovem que precise de se deslocar para o local de trabalho deixe na bomba de combustível o imposto para esta gente gananciosa.

Anónimo 03.10.2016


PS ROUBA A VIDA A 500.000 TRABALHADORES

FP – 40 ANOS A ROUBAR OS TRABALHADORES DO PRIVADO

OS FP DEVEM ESTAR MOTIVADOS APENAS POR TER EMPREGO!

Pois estão bem melhor do que as vítimas do SOCRATES GATUNO que endividou o país até à bancarrota, para pagar salários e pensões da FP…

Lançando 500.000 trabalhadores do privado no desemprego!

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub