Mundo Avião com 71 pessoas despenhou-se perto de Moscovo

Avião com 71 pessoas despenhou-se perto de Moscovo

Um avião caiu nos arredores de Moscovo, matando as 71 pessoas que seguiam a bordo. Causas do acidente ainda estão por apurar. Autoridades dizem que não houve nenhum alerta do comandante ou da tripulação antes do acidente.
Avião com 71 pessoas despenhou-se perto de Moscovo
Reuters
Lusa 11 de fevereiro de 2018 às 12:51
Um avião de passageiros AN-148 com 71 pessoas a bordo despenhou-se hoje nos arredores de Moscovo.

Segundo a agência Interfax, o aparelho despenhou-se junto à localidade de Argunovo, na província de Moscovo, sem que se conheçam ainda as consequências do acidente.

As 71 pessoas que seguiam a bordo do avião, seis das quais tripulantes, "não tiveram qualquer hipótese de sobreviver", disse uma fonte do Ministério de Emergências russo, citada pela agência Interfax.

A agência Tass afirmou que os fragmentos do avião foram encontrados a cerca de 40 quilómetros do aeroporto de Domodevo de Moscovo.

O aparelho despenhou-se pouco depois de ter descolado do aeroporto de Domodedovo de Moscovo em direcção a Orsk, uma cidade dos Urais, e despenhou-se no distrito de Ramensky da região de Moscovo.

As agências russas adiantam que testemunhas viram o aparelho em chamas cair na aldeia de Argounovo, a sudeste de Moscovo.

De acordo com a Reuters, os escombros do avião e bens pertencentes aos passageiros foram encontrado num raio de um quilómetro do local do desastre, adiantaram investigadores. Segundo a mesma fonte, entre as possíveis causas do acidente estão as condições atmosféricas, erro humano ou erro técnico do aparelho. Não houve quaisquer sinais de alarme da tripulação antes da tragédia. 

(Notícia actualizada às 17:00)




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
General Ciresp Há 1 semana

Depois de termos noticias amenas:portugal ser campeao de futebol encimentado,a possivel reunificacao das Coreias,as mulheres do Irao a quererem por fim ao LAIO na cabeca,o pais mais poderoso do medio oriente a dar liberdade a mulher de usar saia acima do joelho,temos esta triste noticia do aviao q c

Saber mais e Alertas
pub