Conjuntura Banco de Portugal: Actividade económica acelerou em Outubro pelo quarto mês

Banco de Portugal: Actividade económica acelerou em Outubro pelo quarto mês

O consumo privado está estabilizado desde Maio e a actividade económica melhorou pelo quarto mês consecutivo.
Banco de Portugal: Actividade económica acelerou em Outubro pelo quarto mês
Nuno Carregueiro 18 de Novembro de 2016 às 11:47

O indicador coincidente mensal do Banco de Portugal para medir a evolução da actividade económica subiu em Outubro pelo quarto mês consecutivo, sinalizando que a economia nacional continua a reforçar o crescimento após ter conseguido a melhor prestação da Zona Euro no terceiro trimestre.

 

O indicador subiu para 0,9% em Outubro, tendo subido uma décima em cada um dos três meses anteriores. Atingiu o valor mais elevado desde Março deste ano, quando registou uma taxa de crescimento de 1%.

 

O PIB de Portugal cresceu 1,6% em termos homólogos no terceiro trimestre e 0,8% face aos três meses anteriores. Este indicador do Banco de Portugal vem sugerir que a tendência de aceleração se manteve no primeiro mês do último trimestre do ano.

 

A recuperação da economia no terceiro trimestre foi conseguida sobretudo à custa das exportações, o que terá persistido em Outubro.

 

De acordo com o Banco de Portugal, o indicador coincidente mensal para o consumo privado mantém-se estável desde Maio, após a diminuição observada no início de 2016. A taxa de crescimento registada em Outubro foi de 1,9%, igualando o registado nos cinco meses anteriores. 




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado ThomasZurc Há 2 semanas

Curioso. O INE vem dizer que anda a perder gás e este a dizer que subiu

comentários mais recentes
ThomasZurc Há 2 semanas

Curioso. O INE vem dizer que anda a perder gás e este a dizer que subiu

surpreso Há 2 semanas

Lá vêm mais foguetes.Afinal distribuir receita pública aumenta a riqueza nacional,mesmo sem consumo privado ,nem investimento

pub