Política Monetária BCE aponta Outubro como o mês para decisões sobre estímulos

BCE aponta Outubro como o mês para decisões sobre estímulos

Mario Draghi acredita que o Conselho de Governadores do Banco Central Europeu (BCE) deverá estar pronto para tomar decisões sobre o seu programa de compra de activos na reunião de Outubro, depois de ter mantido os estímulos inalterados na reunião desta quinta-feira.
BCE aponta Outubro como o mês para decisões sobre estímulos
Reuters
Patrícia Abreu 07 de setembro de 2017 às 14:31

Apesar de ter mantido o seu discurso inalterado na reunião desta quinta-feira, 7 de Setembro, mantendo o programa de compra de activos mensal, em vigor até Dezembro deste ano, em 60 mil milhões de euros, o presidente do BCE admitiu na conferência de imprensa que "houve uma discussão muito preliminar sobre os vários cenários para a política monetária".

Quanto à data para o anúncio de mudanças no programa, Draghi adiantou que o Conselho de Governadores do BCE deverá estar pronto para tomar uma decisão na reunião de Outubro, adiantando que encarregou os comités para continuarem a trabalhar nas opções de política monetária para 2018.

"Queremos ver o trabalho dos comités", adiantou Mario Draghi, adiantando, contudo que as decisões sobre o tamanho e o prazo do programa "provavelmente vão ser tomadas em Outubro".

Quanto às limitações do próprio programa, que limitam a compra de activos à chave de capital de cada país no banco central a 33% de uma determinada obrigação ou da dívida de um país, o presidente do BCE adiantou que não foram discutidas alterações às regras do programa.




pub