Economia BE e PCP forçados a segurar Governo perante censura do CDS
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

BE e PCP forçados a segurar Governo perante censura do CDS

CDS entrega quarta ou quinta-feira moção de censura ao Governo no Parlamento. PSD fica ao lado dos centristas. Costa reage com naturalidade e Carlos César aproveita para tentar dividir centristas e sociais-democratas.
BE e PCP forçados a segurar Governo perante censura do CDS
Miguel Baltazar

"Quem achar que o Governo fez tudo bem nesta matéria, estará ao lado do Governo." Foi assim que Assunção Cristas antecipou a leitura que fará da votação da moção de censura que o CDS entrega

)

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião7
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 3 dias

O excedentarismo e sobrepagamento eleitoralistas, podem ser, para além de manifestamente íniquos e insustentáveis como já se sabia, assassinos. Quem os defende pactua com os criminosos.

Anónimo Há 3 dias

Estas tragédias são sintomáticas da quebra do investimento público em bens de capital, numa altura em que o investimento público em % do PIB em Portugal atingiu um mínimo desde 1960. Não fazer uma boa gestão de recursos humanos promovendo o excedentarismo e fazendo do despedimento um tabu, dá nisto.

General Ciresp Há 3 dias

Vou-me deitar,mas nao antes de avisar que facam pouco ganido no canil parlamentar,por respeito aos assassinados COBARDEMENTE.

General Ciresp Há 3 dias

Diz o ditado:a primeira qualquer um cai,a segunda so cai quem quer,a terceira e preciso ser muito,mas muito BURRO.O d.branca fugiu de Pedrogao,ou pelo menos aparece depois da Batalha perdida,o mesmo com Tancos depois da Batalha perdida e agora com o centro e norte do pais.q valor tem 1 GANAPO destes

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
Notícias Relacionadas
pub