Segurança Social Bloco sobre TSU: "Essa ideia morreu, paz à sua alma"

Bloco sobre TSU: "Essa ideia morreu, paz à sua alma"

Os bloquistas, que com o PCP e o PEV suportam o Governo PS na Assembleia da República, mostram-se "disponíveis" para continuar a negociar com o Executivo e dizem que a direita está "presa" num labirinto.
Bloco sobre TSU: "Essa ideia morreu, paz à sua alma"
Bruno Simão/Negócios
Paulo Zacarias Gomes 27 de janeiro de 2017 às 11:27

A líder do Bloco de Esquerda garantiu esta sexta-feira ao Governo que o partido que lidera está "disponível" para negociar com o Executivo liderado pelo Partido Socialista, dois dias depois de ter votado ao lado do PCP, PEV e PSD contra a medida proposta pelo Governo para reduzir o valor da TSU.

"A ideia de que o salário mínimo deve ser compensado morreu. Paz à sua alma!", afirmou Catarina Martins, durante o debate quinzenal no Parlamento, numa referência à ligação que tinha sido estabelecida entre o aumento do salário mínimo e a redução dos encargos patronais no diploma do Governo. Para depois acrescentar que "o Governo encontra à sua esquerda capacidade e disponibilidade de negociar as soluções que o pais precisa. Deixemos a direita presa no seu labirinto".

Uma declaração que surgiu minutos depois de Pedro Passos Coelho, o líder social-democrata, ter instado António Costa a ter a "humildade" de pedir ao PSD para se sentar à mesa com os socialistas quando for necessário negociar medidas, ao contrário do que – disse – aconteceu neste caso, em que os deputados laranja acabaram por votar contra.

A revogação da medida – acordada em Concertação Social e que previa uma descida de 1,25 pontos percentuais da Taxa Social Única, entretanto substituída por uma descida no pagamento especial por conta que vai abranger 122 mil empresas – foi aliás já publicada esta sexta-feira em Diário da República.

A deputada do Bloqco de Esquerda invocou ainda o encerramento esta semana da escola Alexandre Herculano no Porto devido à degradação das instalações - o estabelecimento só reabrirá na próxima segunda-feira - , para lamentar a lentidão no investimento público.

"Temos andado devagar de mais no que diz respeito aos serviços públicos. Terá de ter a coragem de assumir o investimento público nos serviços públicos", afirmou.

Costa responsabilizou o anterior Governo PSD/CDS por ter, em 2011, cancelado obras ajudicadas em 39 escolas sem ter proposto "nenhum modelo alternativo" e anunciou ter "condições" para arrancar com 200 obras em breve que incluírão, além da escola do Porto, o Conservatório Nacional, o Liceu Camões e a nova escola no Parque das Nações, todas em Lisboa.




A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 4 semanas


A geração rasca… de esquerda

Ladrões FP - CGA - - ROUBAM OS TRABALHADORES E PENSIONISTAS DO PRIVADO


Novas pensões mínimas serão sujeitas a prova de rendimento...

para se gastar mais dinheiro com os subsídios às pensões douradas da CGA.


As pensões douradas da CGA são SUBSIDIADAS em 500€, 1000€, 1500€ e mais… POR MÊS.

ESTAS PENSÕES SIM, DEVEM TER CORTES IMEDIATOS.

comentários mais recentes
Ó esquerdalha és tão burrinha Há 4 semanas

Então agora que estás no governo e "presa" um acordo que assinaste, achas que, se o governo for mal sucedido tu estarás no mesmo barco. Então agora já acreditas em almas e em deus, és uma fraude. Não te preocupes com a direita, está bem e recomenda-se!!!

Anónimo Há 4 semanas


Ladrões FP . CGA – 40 ANOS A ROUBAR OS TRABALHADORES E PENSIONISTAS DO PRIVADO

SALÁRIO MÉDIO DOS PROFESSORES PORTUGUESES É O 3.º MAIS ALTO DA EUROPA, EM 2015 (antes da reposição de salários dos FP).

"No caso dos docentes com salários mais altos, em que o rendimento dos docentes é superior ao PIB per capita, Portugal aparece em destaque como o terceiro país com salários mais elevados da Europa.”

Relatório Eurydice.


Anónimo Há 4 semanas


JUSTIÇA SOCIAL

CORTAR NAS PENSÕES ATUAIS DOS LADRÕES FP / CGA

Todas as pensões dos FP, devem ter um corte imediato de 50% (acaba-se já com o défice orçamental)!


Anónimo Há 4 semanas


A geração rasca… de esquerda

SÓCRATES GATUNO & COSTA LADRÃO, destroem 3 gerações de portugueses:

- Endividaram o país até à bancarrota.

- Deixaram dívidas e juros, para 3 gerações de portugueses pagarem.

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub