Bolsa Bolsas somam e seguem. BCP pressiona PSI-20

Bolsas somam e seguem. BCP pressiona PSI-20

As bolsas europeias e americanas continuaram a somar ganhos na semana em que a Reserva Federal dos EUA subiu as taxas de juro pela primeira vez no prazo de um ano. Já o PSI-20 acumula uma desvalorização nas últimas quatro sessões.
Bolsas somam e seguem. BCP pressiona PSI-20
Reuters
Rui Barroso 16 de dezembro de 2016 às 07:00

As bolsas europeias e americanas continuaram a somar ganhos na semana em que a Reserva Federal dos EUA subiu as taxas de juro pela primeira vez no prazo de um ano. A decisão da autoridade monetária liderada por Janet Yellen já era antecipada. Mas houve indícios de que o ritmo de subidas no próximo ano pode ser mais rápido do que o projectado. Ainda assim, o mercado aparenta ter reagido de forma estável aos novos dados vindos da Fed.

O S&P 500 negoceia perto de máximos, tendo batido um novo recorde esta terça-feira. E o europeu Stoxx 600 também acumula ganhos. A banca italiana esteve em destaque,  beneficiando da reacção positiva ao plano estratégico do Unicredit, que contempla um reforço de capital. E também o sector de media esteve em foco, com a onde de fusões e aquisições a puxar por títulos como a Mediaset. Apesar de as bolsas europeias somarem ganhos, o PSI-20 acumula uma queda de 0,87% desde o início da semana. Muito à conta do BCP, que desceu mais de 16% após o Sabadell ter saído de forma inesperada do capital do banco. Pela positiva, destaque para as subidas de 4,4% dos CTT e de mais de 1,5% da Galp, Altri, Navigator e Sonae.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 16.12.2016

CTT CTT CTT, apanha o comboio... lá vai ele