Economia Bombeiros disponíveis este fim-de-semana terão compensação adicional

Bombeiros disponíveis este fim-de-semana terão compensação adicional

Ao accionar o estado de calamidade, o Governo facilitar a mobilização de meios para combater e prevenir incêndios. Os bombeiros voluntários terão direito a dois dias de descanso por cada dia de combate, enquanto durar o estado de calamidade.
Bombeiros disponíveis este fim-de-semana terão compensação adicional
Bruno Simão
Sara Antunes 18 de agosto de 2017 às 13:27

O risco de incêndio até a próxima segunda-feira é elevado em vários concelhos do centro e norte do país, como tal, o Governo decidiu declarar estado de calamidade pública, o que facilita a mobilização de meios de combate, além de ser decretada uma "proibição absoluta" na utilização de fogo artifício ou outros produtos pirotécnicos.

 

António Costa revelou que haverá assim uma mobilização de todos os meios disponíveis, reforçando, nomeadamente, as patrulhas de dissuasão. Com o período nocturno em destaque, já que, 40% dos incêndios têm surgido neste intervalo, explicou o primeiro-ministro, durante uma conferência de imprensa transmitida pelas estações de televisão.

 

Assim, o dispositivo referente às Forças Armadas aumentará de 40 para 140. Já as equipas da GNR serão reforçadas em 150 efectivos. Além disso, estarão a uso dois meios aéreos com uma missão de vigilância.

A Liga dos Bombeiros fará ainda um apelo para "que todas as associações de bombeiros voluntários reforcem" os voluntários disponíveis, adiantou o primeiro-ministro.

E, como forma de compensação, "os bombeiros voluntários terão direito a dois dias de descanso por cada dia de participação no dispositivo", adiantou António Costa. E serão abrangidos tanto as pessoas que trabalhem em entidades públicas como privadas.

 

"Contamos com isto, de forma simbólica, agradecer e compensar o esforço acrescido que [estas pessoas] acrescentam à sua actividade profissional a vontade de servir os outros e dar a sua vida pela vida dos outros", sublinhou o líder do Executivo.

 

António Costa discriminou ainda as zonas de maior risco nos próximos dias: distritos de Vila Real, Bragança, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Viana do Castelo e Algarve.




A sua opinião11
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 1 dia

Deixa arder que eu tenho a bunda grande.

oluapaxe Há 1 dia

Parabens e obrigado pelo esforço feito pelos bombeiros no combate aos grandes incêndios. Os bombeiros tens que ser respeitados e não tratados como peças de xadrez pela a incompetência dos dirigentes da protecção civil pois eles estão no terreno e sentem o desespero das populações. Se o governo não tivesse substituído os antigos e competentes dirigentes da protecção civil por boys e girls do PS este país não tinha ardido com tanta força. A incompetência é um crime que impede o combate eficiente ao fogo. Chegar tarde ao terreno e sair antes que o terreno esteja consolidado torna o combate ineficaz. Quando um incendia fica descontrolado por muitos bombeiros que coloquem no terreno não é possível controlar as chamas. A incompetência do governo ceifou a vida de 65 portugueses e reduziu a cinza o sustente de muitos mais. O estado tem estado a ser colonizado a alta velocidade pelo boys do PS e companhia. O estado não é do PS. O costa é o grande responsável pelo que fez ao país.

General Ciresp Há 1 dia

D.branca e suas carateristicas.Sempre q aparece 1 mal,ele carrega com povo em cima:foi assim na mudanca de secretarios de estado q nao param de aumentar,e com isso aumenta a desgraca(so imperra),agora com os incendios,esquecendo-se ele q parte dos incendiarios sao bombeiros.Nao esquecendo o gov gord

genio Há 2 dias

A república dos totós....

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub