Brasil elege 18 governadores à primeira volta, 11 são aliados de Dilma
04 Outubro 2010, 11:28 por Lusa
2
Enviar por email
Reportar erro
0
O mapa dos 18 governadores eleitos na primeira volta indica que os aliados da candidata do Partido dos Trabalhadores (PT) à Presidência, Dilma Rousseff, conquistaram 11 Estados e a oposição sete.
Haverá uma segunda volta em oito Estados e também no Distrito Federal, unidade federativa onde está localizada Brasília.

Apesar de a base aliada de Dilma Rousseff ter conseguido eleger o maior número de governadores na primeira volta, o Partido da Social Democracia Brasileira, o PSDB do candidato à Presidência José Serra, venceu nos dois maiores colégios eleitorais do Brasil - São Paulo, com Geraldo Alkmin, e Minas Gerais, com Antonio Anastasia.

Em Minas, graças ao apoio do ex-governador Aécio Neves, António Anastasia conseguiu uma viragem na recta final das eleições e derrotou o candidato do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), aliado do PT, Hélio Costa, ex-ministro das Comunicações do Governo Lula da Silva, que liderou as sondagens de intenção de voto durante quase toda a campanha.

O PSDB ganhou também no Paraná, com Beto Richa, e em Tocantins, com Siqueira Campos.

O PT e o PMDB, os dois maiores partidos da base aliada de Dilma Rousseff, também conseguiram, cada um, eleger quatro governadores na primeira volta.

O PT conquistou os governos do Rio Grande do Sul, com Tarso Genro, Baía, com Jacques Wagner; Sergipe, com Marcelo Deda, e Acre, com Tião Viana, numa disputa apertada contra o seu adversário Tião Bocalom, do PSDB.

Já o PMDB conseguiu os governos do Rio de Janeiro, com a reeleição de Sérgio Cabral, Maranhão, com Roseana Sarney, Mato Grosso do Sul, com André Puccinelli, e Mato Grosso, com Silval Barbosa.

O Partido Socialista Brasileiro (PSB), também integrante da coligação de Dilma Rousseff, elegeu três governadores na primeira volta: Renato Casagrande, no Espírito Santo, Eduardo Campos, em Pernambuco, e Cid Gomes, no Ceará, todos com uma vitória folgada face aos seus adversários.

O Democratas (DEM), de oposição, aliado do PSDB, ganhou dois Estados - Santa Catarina, onde venceu Raimundo Colombo, e Rio Grande do Norte, que elegeu Rosalba Ciarlini.

O Partido da Mobilização Nacional (PMN), que, assim como o DEM, também apoia José Serra, elegeu o governador do Amazonas, Omar Aziz.

Dos 20 actuais governadores que disputaram a reeleição nos seus Estados, dez conseguiram a vitória à primeira volta. Haverá segunda volta no Distrito Federal e nos Estados do Alagoas, Amapá, Goiás, Pará, Paraíba, Piauí, Rondônia e Roraima.

2
Enviar por email
Reportar erro
0