União Europeia Brexit reduz subida dos salários dos britânicos

Brexit reduz subida dos salários dos britânicos

O impacto da saída do país da União Europeia e o abrandamento na subida do salário mínimo leva as empresas a preverem um menor aumento dos salários a pagar aos seus trabalhadores.
Brexit reduz subida dos salários dos britânicos
Neil Hall/Reuters
Negócios com Reuters 08 de fevereiro de 2017 às 11:54

O Banco de Inglaterra estima que os empregadores britânicos venham a aumentar este ano os salários dos seus trabalhadores a um ritmo inferior ao que fizeram em 2016.

A condicionar o ritmo das subidas nos vencimentos está o aumento dos custos para as companhias, relacionado com a saída do Reino Unido da União Europeia (Brexit), e o abrandamento na subida do salário mínimo. 

A autoridade monetária espera que este ano os salários cresçam 2,2% em relação aos 2,7% registados no ano passado, apesar do aumento da inflação, o que fará crescer a pressão sobre os gastos dos consumidores, refere a Reuters. 

"Os gastos dos consumidores têm-se mantido resilientes, mas espera-se que abrandem ao longo do ano, à medida que os preços vão subindo," refere o Banco de Inglaterra num relatório conhecido esta quarta-feira, 8 de Fevereiro.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 08.02.2017

Oxalá que a França faça o mesmo, sair. Faz sentido que entrem em Portugal dezenas de milhares de contentores com artigos asiáticos e que não pagam iva à cabeça. Que merda de globalização é esta? Não temos políticos dignos desse nome, Infelizmente. A pequena Industria e comércio desaparecem todos.

Anónimo 08.02.2017

Primeiro objetivo: ATINGIDO ! Segundo objetivo: Acabar com a regulação dos mercados financeiros: EM CURSO ! Terceiro objetivo: Ligar a City com a bolsa Americana para controlar a Ásia: EM CURSO ! Quarto objetivo : limitar o acesso a Inteligência Artificial à China: EM CURSO ...

Anónimo 08.02.2017

O anterior governo da Inglaterra não acreditou que a situação da Europa iria ser melhor. Fizeram a separação com todas as suas consequências. Não acreditaram que a solução global é a união de todos os povos, raças e crenças num futuro melhor.

pub
pub
pub
pub