Economia Bruxelas admite dar mais tempo a Espanha para atingir défice de 3%

Bruxelas admite dar mais tempo a Espanha para atingir défice de 3%

Comissão Europeia terá em conta situação económica do país.
Negócios 07 de maio de 2012 às 15:34
Bruxelas promete ter em conta a situação económica de Espanha na altura de decidir se dará mais tempo ao país para atingir um défice público equivalente a 3% do PIB.

“Espanha comprometeu-se com os seus parceiros europeus numa série de metas em termos de consolidação orçamental. Estes são os parâmetros que Espanha deve respeitar”, refere Amadeu Altajaf, porta-voz do comissário europeu Olli Rehn, citado pelo “El Mundo”.

Confrontado com a questão se a Comissão Europeia dará a Espanha mais um ano para atingir um défice de 3% do PIB, o mesmo responsável adiantou que Bruxelas deve efectuar uma análise que “terá em conta a situação macro-económica em que se encontra o país”.

Amadeu Altajaf acrescentou que é isso mesmo que diz o Pacto de Estabilidade, que dá mais tempo aos países para equilibrarem as suas contas, em alturas de recessão económica.

A economia espanhola entrou em recessão este ano e o PIB do país deverá recuar 1,7% este ano, de acordo com as previsões do Executivo de Mariano Rajoy. As metas actuais com que o Governo espanhol se comprometeu com Bruxelas apontam para uma descida do défice para 5,8% do PIB este ano (acima do 4,5% definidos pelo anterior Executivo) e 3% em 2013, face aos 8,5% fixados em 2011.

A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

... os alunos bem comportados e, com estes governantes que baixam as calças para o forte e fortes com o fraco, seremos sempre os bodes expiatórios!!!!

Caríssima Comissão Europeia, para Portugal até é Há 2 semanas

Vocês só têm que cumprir o Memorandum!

É a troika e o Gaspar que estão a "estrangular" a economia!

Eles não cumprem! E nós cumprimos a mais!

O crescimento no nosso caso é muito fácil! É só eles cumprirem o Memorandum!

Também queremos! Há 2 semanas

...

Nuno Há 2 semanas

Então e nós?????

Claro... como os nossos meninos governantes não fazem pressão, em Portugal aperta-se!

pub