Economia Bundchen é a segunda modelo mais bem paga do mundo dois anos após terminar carreira

Bundchen é a segunda modelo mais bem paga do mundo dois anos após terminar carreira

A lista das modelos mais bem pagas do mundo é liderada por Kendall Jenner, que é seguida pela brasileira Gisele Bundchen que se retirou em 2015.
Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters Reuters
Negócios 21 de novembro de 2017 às 15:30

Kendall Jenner foi a modelo mais bem paga do último ano, tendo auferido 22 milhões de dólares. A modelo de 22 anos tem 85 milhões de seguidores no Instragram, um número que é mais do dobro dos seguidores de qualquer outra modelo. A Forbes salienta que Kendall Jenner (também conhecida pela sua participação no reality show "Keeping up with the Kardashians") transformou a sua fama digital em dólares, através de contratos publicitários para marcas como a Estée Lauder ou a La Perla.

 

Em segundo lugar surge Gisele Bundchen, com 17,5 milhões de dólares. A ex-modelo, de 37 anos, abandonou as passerelles em 2015 mas continua a fazer milhares com contratos publicitários.Bundchen foi assim destronada pela primeira vez desde 2002.


Em terceiro lugar surge Chrissy Teigen (13,5 milhões de dólares). A modelo americana tem 31 anos, um programa de televisão próprio, é autora de um livro de culinária e tem vários contratos publicitários.

 

A lista das 10 modelos mais bem pagas do mundo termina com Ashley Graham (5,5 milhões de dólares). É uma modelo de tamanhos grandes e entra, pela primeira vez na lista, graças à sua própria linha de roupa.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub