Política Catarina Martins: BE não está refém de "nenhum partido, nem de nenhum Governo"

Catarina Martins: BE não está refém de "nenhum partido, nem de nenhum Governo"

A líder nacional do BE, Catarina Martins, disse na noite de sábado que o Bloco não está "refém de nenhum partido, nem de nenhum Governo", e que vai avaliar primeiro a proposta de Orçamento de Estado (OE) para 2017, para depois definir o seu sentido de voto.
Catarina Martins: BE não está refém de "nenhum partido, nem de nenhum Governo"
Miguel Baltazar
Lusa 02 de Outubro de 2016 às 00:55

"No momento em que está em preparação o Orçamento de Estado para 2017, o Bloco de Esquerda terá sempre o seu voto determinado pelas condições concretas que o Orçamento de Estado dá às pessoas", sublinhou a dirigente bloquista, num jantar-comício na ilha do Faial, integrado na campanha para as eleições legislativas regionais de 16 de Outubro.

 

Catarina Martins adiantou que se a proposta de OE para o próximo ano "respeita salários, valoriza pensões, protege o Estado social e tem condições para o emprego", então será isso que "compromete o voto" do BE.

 

"Não somos reféns de nenhum partido, nem de nenhum Governo", insistiu a líder nacional do Bloco de Esquerda, acrescentando que o seu compromisso "é para com as pessoas".

 

Segundo explicou, por existir hoje uma "maioria parlamentar diferente" na Assembleia da República não significa que exista "uma subordinação do Bloco a nenhuma agenda do Partido Socialista ou seja a quem for". "É um acordo negociado dia a dia, para puxar pelas condições de vida de quem trabalha e com a clareza sempre de não ceder no que é fundamental", rematou a dirigente bloquista.

 




A sua opinião30
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 02.10.2016


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

comentários mais recentes
João Carlos Carvalho 02.10.2016

O BE está refém da enorme sede de poder de Catarina e Mariana...

Jorge Pêgo 02.10.2016

Conversa fiada!!!

António Dias 02.10.2016

É claro que esta mentindo. Com verdade ou então BE tem os mesmos princípios PS. Ou então o PS tem agora os mesmos princípios que o BE. Senão for isto, se é como a Catarina diz então ela representa um partido que não respeita a democracia, como aliás o maduro da Venezuela.

Antonio Rodrigues 02.10.2016

Catrina, Catrina..... olha que só voas como a galinha.....

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub