Orçamento do Estado CDS antecipa-se e apresenta já 10 propostas para o Orçamento
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

CDS antecipa-se e apresenta já 10 propostas para o Orçamento

CDS quer isenção de pagamento de IRS nas horas extraordinárias. PS critica e lembra que os trabalhadores com isenção de horário seriam “claramente prejudicados”.
CDS antecipa-se e apresenta já 10 propostas para o Orçamento
Miguel Baltazar
Marta Moitinho Oliveira 09 de outubro de 2017 às 23:10

O CDS apresentou esta segunda-feira um conjunto de 10 propostas para o Orçamento do Estado para 2018. O documento do Governo só será entregue na sexta-feira no Parlamento, mas o CDS decidiu antecipar-se, numa altura em que o partido )

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião8
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado JCG Há 1 semana

Ó cara D Cristas, aqui vai mais uma ideia para você "atirar" aos Costa: querem libertar casas (especialmente antigas e no centro das localidades) para recuperar e colocar no mercado? então vamos à seguinte ideia: o Governo e Câmaras Municipais avançam com um programa de construção e recuperação com adaptação de prédios disseminados pelos bairros destinados a pessoas idosas, mas ainda com alguma autonomia. Características: prédios com pequenos apartamentos (T0 e T1), com características internas e em locais amigáveis a pessoas com perda de mobilidade e com um serviço de porteiro mais abrangente, ou seja, que, por exemplo, vá acompanhando os residentes (pelo menos todos os dias contacta para ver se ainda estão vivos e se precisam de alguma coisa). Com um programa destes, milhares de pessoas idosas e isoladas (muitas vezes aprisionados em apartamentos inadequados) podiam libertar esses apartamentos e melhorar as suas condições de vida (apartamentos mais adequados e acompanhamento).

comentários mais recentes
Anónimo Há 1 semana

Mas esta " rapaziada " nao ve, ou nao quer ver, que uma grande parte dos votos que recebeu foram de gente do PSD que quiz despachar o Passos rapidamente? Lembrem-se da votaçao do BE ha uns anos, nas europeias, e o desastre que se seguiu.

JCG Há 1 semana

Estou a pensar em prédios com 15 a 25 pequenos apartamentos. Com uma sala de convívio para residentes e instalações para porteiro no piso térreo. Com estas pequenas concentrações de idosos haveria diversos benefícios e ganhos de eficiência, por exemplo, no caso de apoio domiciliário, que cada vez é o mais recomendado, em vez de andar uma equipa a saltitar de prédio em prédio à procura da residência de idosos isolados, a perder tempo no congestionamento do trânsito e na busca de lugar de estacionamento, digamos o trabalho ela concentrado em pequenas unidades. Pessoas idosas não querem largar as suas casas? Bom, se for casa arrendada (com renda degradada) e perante a oferta de um lugar num prédio (residencial) para idosos, sempre se podia aumentar o estímulo a través da liberalização da sua renda. A ideia era cobrir o espaço com uma malha desses prédios para que as pessoas não tivessem que se afastar muito do local/ rua onde moram e até manter vizinhos.

Anónimo Há 1 semana

ESTA SENHORA É O MÁXIMO!
JÁ QUASE NINGUEM SE LEMBRA QUE FOI O MINISTRO DO CDS QUE ESTVE NA ORIGEM DA DININUIÇÃO DO PAGAMENTO DAS HORAS EXTRAORDINÁRIAS!
AGORA PARA DISFARSAR VÊM PROPOR QUE NÃO HAJA PAGAMENTO DE IRS SOBRE AS MESMAS.
BRILHANTE!
É VERDADE QUE NÃO DEVERIA HAVER DESCONTO DE IRS NO PAG DAS HORAS EXTRAORDINÁRIAS, MAS ENTÃO TAMBEM SERIA JUSTO QUE VOLTASSEM A SER REMUNERADAS COM ANTES!

JCG Há 1 semana

Ó cara D Cristas, aqui vai mais uma ideia para você "atirar" aos Costa: querem libertar casas (especialmente antigas e no centro das localidades) para recuperar e colocar no mercado? então vamos à seguinte ideia: o Governo e Câmaras Municipais avançam com um programa de construção e recuperação com adaptação de prédios disseminados pelos bairros destinados a pessoas idosas, mas ainda com alguma autonomia. Características: prédios com pequenos apartamentos (T0 e T1), com características internas e em locais amigáveis a pessoas com perda de mobilidade e com um serviço de porteiro mais abrangente, ou seja, que, por exemplo, vá acompanhando os residentes (pelo menos todos os dias contacta para ver se ainda estão vivos e se precisam de alguma coisa). Com um programa destes, milhares de pessoas idosas e isoladas (muitas vezes aprisionados em apartamentos inadequados) podiam libertar esses apartamentos e melhorar as suas condições de vida (apartamentos mais adequados e acompanhamento).

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub