Política Comissão Nacional de Eleições já recebeu quase 200 queixas por causa das autárquicas

Comissão Nacional de Eleições já recebeu quase 200 queixas por causa das autárquicas

Com as autárquicas a caminho, as queixas sucedem-se e surgem por motivos que vão desde alegadas faltas de neutralidade e imparcialidade das entidades públicas até casos de inelegibilidade ou incompatibilidade dos candidatos, avança o jornal Público.
Comissão Nacional de Eleições já recebeu quase 200 queixas por causa das autárquicas
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 08 de agosto de 2017 às 10:11

Até ao dia 2 de Agosto a Comissão Nacional de Eleições (CNE) tinha já recebido 1.014 pedidos de informação e 187 queixas relacionadas com as próximas eleições autárquicas de Outubro, escreve o jornal Público na sua edição desta terça-feira, 8 de Agosto.

 

Segundo o jornal, os motivos são os mais variados, mas o mais frequente tem a ver com alegadas faltas de neutralidade e imparcialidade das entidades públicas, que deram origem a seis dezenas de queixas. Há igualmente muitos protestos relacionados com propaganda e problemas com publicidade institucional e comercial.

 

Há também quem denuncie problemas no tratamento jornalístico dado às candidaturas e questões de inelegibilidade ou incompatibilidade dos candidatos – uma queixa teve a ver, por exemplo, com a regra da limitação de mandatos.

 

Nas últimas autárquicas, em 2013, a CNE recebeu 3.047 pedidos de informação por escrito e registou um total de 681 processos.




Saber mais e Alertas
pub