Banca & Finanças Complexidade força atraso na auditoria da EY à CGD
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Complexidade força atraso na auditoria da EY à CGD

Há equipas dedicadas à auditoria à gestão do banco público desde 2000, mas o trabalho é “extenso e de grande horizonte temporal”. Motivos para que tenha sido requerido um “ajuste de tempo” para concluir os trabalhos.
Complexidade força atraso na auditoria da EY à CGD
Miguel Baltazar/Negócios
Diogo Cavaleiro 14 de setembro de 2017 às 22:40

Os trabalhos da auditoria promovida pelo Governo à gestão passada da Caixa Geral de Depósitos (CGD) vão demorar mais tempo do que o estimado. A auditoria foi anunciada em Abril e o objectivo era que se estendesse por 15 semanas.)

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Jerry Há 1 semana

Eu nao lhe chamo complexidade eu diria a Burocracia, que tomou conta de Portugal nos ultimos 30 anos esta ficando INSUPORTAVEL Os funcionarios Publicos , Burocratas e Tecnocratas, estao tornado a nossa vida nun inferno , sem contar o que roubam:
1o. Inventaram um cartao de cidadao que so serve para sustentar uns milhares de Burocratas , roubar o nosso e tornar a nossa vida mais dificil e expor a nossa identidade para facilitar a vida dos ladroes.
2o. Inventaram um IMI que so serve para roubar
3o. Um teste Energetico para a nossa casa que e um emaranhado de Burocracia, que nao adianta nada a qualidade do isolamento da nossa casa, e um mundo de BUROCRACIA, que permite sustentar mais uns quantos Burocratas, , porque a PIQUINHICE e tamanha que nao faz o menor sentido!
Em contra partida a burocracia nas Cmunicipais e tremenda, que o cidadao tem que ser arquiteto, engenheiro e advogado, para lidar com a burocracia !!!!!!!!!!!!!

Anónimo Há 1 semana

AUDITAR 16 ANOS EM 15 SEMANAS.... UMA SEMANA POR EXERCICIO.... É DE RIR.... :-)

ISSO NÃO DEVE SER UM FULL AUDIT, DEVERÁ SER UMA REVISÃO LIMITADA OU PROCEDIMENTOS ACORDADOS... LOGO PODEM VIR SEMPRE DIZER QUE O ÂMBITO FOI LIMITADO E QUESTIONAR OS RESULTADOS/CONCLUSOES

Anónimo Há 1 semana

AUDITAR 16 ANOS EM 15 SEMANAS.... UMA SEMANA POR EXERCICIO.... É DE RIR.... :-)

Anónimo Há 1 semana

AUDITAR 16 ANOS EM 15 SEMANAS.... UMA SEMANA POR EXERCICIO.... É DE RIR.... :-)

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub