Mundo Confrontos na cimeira do G20 pela terceira noite

Confrontos na cimeira do G20 pela terceira noite

Os confrontos na cimeira do G20, em Hamburgo, continuaram na madrugada.
Confrontos na cimeira do G20 pela terceira noite
Lusa 09 de julho de 2017 às 10:13

Novos confrontos eclodiram na madrugada nas ruas de Hamburgo, após o fim da cimeira do G20, com manifestantes a incendiarem carros, informou a polícia através da rede social Twitter.

Os manifestantes reagruparam-se, depois do encerramento da cimeira, no bairro de Schanzen, bastião local da esquerda radical, onde já tinha havido confrontos desde quinta-feira.

Grupos de manifestantes atiraram garrafas contra veículos, incendiando-os, e foram dispersados pela polícia com recurso a gás lacrimogéneo e canhões de água, segundo a informação das autoridades publicada no Twitter e citada pela agência France Presse.

A polícia informou também sobre mais agentes feridos e novas detenções.

O mais recente balanço fornecido pelas autoridades dava conta de 213 polícias feridos desde quinta-feira e 143 detidos.

Não são conhecidos dados oficiais sobre o número de manifestantes feridos.

Cerca de 20.000 polícias de toda a Alemanha foram destacados para a cidade portuária de Hamburgo por ocasião da cimeira face aos riscos de atentado e violência.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 09.07.2017

Merkel não consegue controlar uma simples manifestação esperada como vai conseguir eliminar o terrorismo e episódios como o de Colónia?Esta ineficácia poe a nu a fraqueza alemã.Perdeu a confiança e respeito de todo o Mundo.

pub