Mundo Conselho de Segurança da ONU impõe novas sanções à Coreia do Norte

Conselho de Segurança da ONU impõe novas sanções à Coreia do Norte

O Conselho de Segurança da ONU impôs esta sexta-feira, por unanimidade, novas sanções à Coreia do Norte em resposta ao ensaio de um míssil balístico intercontinental no final de Novembro e que poderá atingir território dos Estados Unidos.
Conselho de Segurança da ONU impõe novas sanções à Coreia do Norte
Negócios com Lusa 22 de dezembro de 2017 às 20:21

Os 15 Estados-membros do Conselho de Segurança aprovaram por unanimidade uma resolução proposta pelos Estados Unidos, que endurece as amplas sanções internacionais contra o regime de Kim Jong-un (na foto).

 

As novas sanções incluem sérias restrições ao envio de produtos petrolíferos para Pyongyang e a repatriação dos norte-coreanos que trabalham no estrangeiro e cujos rendimentos beneficiam o Governo do país.

Mais concretamente, a resolução hoje aprovada visa banir perto de 90% das exportações de produtos de petróleo refinado para a Coreia do Norte, limitando-as a 500.000 barris por ano, e – naquilo que os diplomatas citados pela Reuters chamaram de alteração de último minuto – exige a repatrição [num prazo de 24 meses, em vez dos 12 inicialmente propostos] dos norte-coreanos que trabalham fora do país e que geram receitas para Pyongyang.




pub