Conjuntura Consumidores estão mais confiantes. Empresas mantêm expectativas

Consumidores estão mais confiantes. Empresas mantêm expectativas

Há quatro meses que o clima económico mantém o mesmo nível de crescimento. Já os consumidores voltaram a aumentar os níveis de confiança.
Consumidores estão mais confiantes. Empresas mantêm expectativas
Miguel Baltazar/Negócios
Sara Antunes 29 de novembro de 2017 às 10:15
O indicador de confiança dos consumidores aumentou para 2,3 pontos, registando assim a melhor leitura desde Agosto deste ano, segundo os dados divulgados esta quarta-feira, 29 de Novembro, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

A contribuir para esta evolução esteve a perspectiva das famílias sobre a sua situação financeira no próximo ano, bem como sobre a sua capacidade de poupar nos próximos 12 meses. Já em relação à expectativa em torno da situação económica do país, as famílias estão menos optimistas do que em Outubro.

Já os empresários não estão nem menos nem mais optimistas. O indicador de clima económico, que reflecte o sentimento dos empresários e gestores, através da análise de inquéritos feitos em vários sectores, estabilizou em Novembro, registando um aumento de 2,1%, o mesmo desde Agosto. 

A travar a melhoria deste indicador esteve o sector da construção e obras públicas, com o indicador de confiança dos empresários desta área a diminuir, devido essencialmente a expectativa de emprego para os próximos três meses. 

Já entre os empresários da indústria transformadora, comércio e serviços as perspectivas melhoraram, com as empresas destes sectores a anteciparem crescimentos de vendas, melhoria da actividade e da procura nos próximos três meses.



pub