Mundo Coreia do Norte anuncia reabertura de canal de comunicação com o Sul

Coreia do Norte anuncia reabertura de canal de comunicação com o Sul

Este anúncio surge um dia depois de a Coreia do Sul ter proposto ao Norte a realização de negociações de alto nível sobre a possibilidade de cooperação nos Jogos Olímpicos de inverno, que vão decorrer em Fevereiro, no Sul.
Coreia do Norte anuncia reabertura de canal de comunicação com o Sul
Lusa 03 de janeiro de 2018 às 07:50

A Coreia do Norte anunciou hoje que vai reabrir o canal de comunicações inter-coreano às 06:30 TMG, um dia depois de ter recebido a proposta sul-coreana para realizar negociações oficiais, disse o Governo de Seul.

 

A televisão oficial "KCTV da Coreia do Norte declarou que o Norte ia reabrir hoje o canal de comunicação com o Sul às 15:30 locais (06:30 em Lisboa)", disse um porta-voz do Ministério da Unificação sul-coreano.

 

Este anúncio surge um dia depois de a Coreia do Sul ter proposto ao Norte a realização de negociações de alto nível sobre a possibilidade de cooperação nos Jogos Olímpicos de inverno, que vão decorrer em Fevereiro, no Sul.

 

Na segunda-feira, o líder norte-coreano, Kim Jong-un, tinha sugerido o envio de uma delegação do Norte aos Jogos Olímpicos de PyeongChang.

 

Do lado do Norte, o chefe da comissão para a reunificação pacífica da Coreia, Ri Son-gwon, disse à televisão oficial norte-coreana que Kim "tinha saudado" o apoio do Sul à sua proposta, de acordo com o Ministério da Unificação sul-coreano, que monitoriza os meios de comunicação de Pyongyang.

 

Na mensagem de Ano Novo, difundida na segunda-feira, Kim Jong-un afirmou que Norte e Sul deviam reunir-se para debater e negociar a presença de uma delegação norte-coreana nos Jogos Olímpicos de inverno.

 

No mesmo discurso, o líder da Coreia do Norte voltou a ameaçar os Estados Unidos e indicou que o país tinha completado o programa nuclear. "O botão nuclear continua na minha secretária. Não se trata de uma chantagem, mas da realidade", declarou.

 

Em resposta, Seul propôs a realização de conversações de alto nível, a 09 de janeiro, em Panmunjom, na fronteira entre os dois vizinhos e onde foi assinado o armistício da Guerra da Coreia (1950-53).

 

De acordo com o ministro da Unificação sul-coreano, Cho Myoung-gyon, trata-se de debater a participação da Coreia do Norte nos jogos de PyeongChang e "outras questões de interesse mútuo para melhorar as relações intercoreanas".

 

"Em conformidade com uma decisão do líder [Kim Jong-un], vamos estabelecer um contacto próximo com a Coreia do Sul, de forma sincera e cuidadosa", disse Ri, citado pela agência noticiosa sul-coreana Yonhap.

 

Os dois únicos atletas norte-coreanos qualificados para os Jogos Olímpicos de PyeongChang, na modalidade patinagem artística, são Ryom Tae-ok e Rim Ju-ik.

 

A Coreia do Norte falhou, em Outubro passado, o prazo estabelecido para inscrever atletas, mas os dois patinadores ainda poderão participar nos Jogos de PyeongChang se forem convidados pelo Comité Olímpico Internacional (COI). 

 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub