Mundo Coreia do Norte celebra com cientistas lançamento de último míssil

Coreia do Norte celebra com cientistas lançamento de último míssil

 A Coreia do Norte celebrou o último lançamento de mísseis com um desfile nas ruas de Pyongyang para os cientistas e técnicos responsáveis pelo teste de armamento, informou hoje a agência estatal KCNA.  
Coreia do Norte celebra com cientistas lançamento de último míssil
Reuters
Lusa 19 de maio de 2017 às 07:39

Milhares de cidadãos aplaudiram na quinta-feira, na capital norte-coreana, os responsáveis pelo lançamento do "Hwasong 12", o míssil de médio alcance que Pyongyang disparou no domingo, de acordo com o texto e fotografias publicadas pela KCNA.

 

"As ruas da nossa capital, Pyongyang, encheram-se com uma atmosfera festiva para dar as boas-vindas aos cientistas da defesa nacional", afirmou.

 

Adultos, estudantes e crianças saudaram a passagem dos autocarros que transportaram os cientistas à colina de Mansudae, onde depositaram flores junto às estátuas dos ex-líderes Kim Il-sung e Kim Jong-il, antes de serem recebidos pelo vice-presidente do comité central do Partido dos Trabalhadores, Ri Man-gon.

 

A Coreia do Norte lançou no passado domingo o "Hwasong-12", o projétil do programa de armamento que exibiu revelou melhor rendimento até à data.

 

O míssil percorreu quase 800 quilómetros e podia ter superado os 4.000 se tivesse sido lançado com um ângulo mais perpendicular, disseram especialistas.

 

Os dados mostraram os avanços de Pyongyang no desenvolvimento de um míssil nuclear intercontinental que possa alcançar território norte-americano e servir de elemento dissuasor.

 

Este lançamento é o último de uma longa lista de testes de armamento que o regime do Kim Jong-un tem vindo a realizar e que geraram tensão na península coreana e um agravamento do tom de Washington desde a chegada de Donald Trump à Casa Branca.

 




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Conselheiro de Trump 19.05.2017

Maio nao e so o mes de Maria,ele tambem comporta:a chegada das andorinhas ao velho continente,regadio de DIVIDENDOS,fim dos campeonatos de futebol,taca Uefa,cerejas e tantos outros frutos que nos revivem a memoria,e o fim de lancamento de MISSEIS no norte coreia,acreditar pelas imagens.

Anónimo 19.05.2017

os verdadeiros culpados por estas tensões nao são os da Coreia do Norte, mas sim daqueles que lhes vendem material e assim permitem estes desenvolvimentos, esses sim são os verdadeiros culpados e deveriam de ser sancionados... mas enfim a resolução por via da guerra é o que muitos preferem...

pub
pub
pub
pub