Economia Cortes no subsídio de doença em vigor em Julho
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Cortes no subsídio de doença em vigor em Julho

O valor do subsídio de doença vai ser reduzido nas situações de baixa inferiores a 90 dias que tenham início a partir de Julho.

O valor do subsídio de doença vai ser reduzido nas situações de baixa inferiores a

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 28.06.2012

Acho que o próximo passo e em nome da crise, será proíbir aos reformados o acesso aos hospitais e aos medicamentos em geral. Poderá ser que assim daqui a poucos meses baixaremos os gastos da segurança social com pensões. Acho também positivo que as pessoas sejam incutidas a deixarem de comer tanto para poderem pagar impostos.

Zé atento 28.06.2012

Os portugueses são um povo cheio de truques. Os verdadeiros doentes, acabam por serem prejudicados pelos oportunistas. Gente jovem a pedir constantemente baixa por doença, é uma vergonha.Como é que o país não há-de estar na situação de crise ! Começa com os grandes, depois os outros e finalmente a arraia miúda. Isto está bonito, está.

Anónimo 28.06.2012

É mais do mesmo, são sempre os mesmos a pagar a factura. Os funcionáros publicos também vão entrar nestas novas normas?? O Estado também lhes vai baixar as baixas inferiores a 90 dias?è que eles até bem pouco tempo estavam de baixa e reciam a 100% depois passaram p/ 80%, os da que trabalham p/ o privado=ESCRAVOS, recebem 65% e os 3 1ºs dias não são pagos e a partir de Julho vão passara a receber 55%??? Não falta nada estamos a fazer descontos p/ quê? para ter politicos/governantes INCOMPETENTES, LADRÕES e AFINS??Não muito obrigado p/ isso não necessitamos de licenciados,doutores e merdic--, basta um c/ o 1º ciclo. Bando de CHU--S

Malta da função pública rouba quem trabalha 28.06.2012

Governo persegue trabalhadores e protege o funcionalismo.

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub