IRS Costa promete mais rendimento disponível para os portugueses e revisão do IRS é exemplo
IRS

Costa promete mais rendimento disponível para os portugueses e revisão do IRS é exemplo

O secretário-geral do PS e primeiro-ministro, António Costa, sublinhou esta sexta-feira que a revisão dos escalões de IRS, já em 2018, permitirá aumentar o rendimento disponível dos portugueses, uma das premissas da política do Governo.
Costa promete mais rendimento disponível para os portugueses e revisão do IRS é exemplo
Miguel Baltazar
Lusa 22 de setembro de 2017 às 21:05

"Sobretudo aqueles que têm rendimentos mais baixos, e que foram muito penalizados pela forma como foram reduzidos os escalões de IRS, verão o seu rendimento disponível aumentado com a revisão dos escalões de IRS", disse António Costa, que falava num comício em Almada, onde o partido apresenta como cabeça de lista à câmara nas eleições autárquicas de 1 de Outubro a antiga deputada Inês de Medeiros.

 

"Sim, vamos continuar a aumentar o rendimento disponível das famílias portuguesas", prometeu o primeiro-ministro.




A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 23.09.2017

Este oportunista só governa para FP, funcionários das EPs e para quem não trabalha. Diz que aumentou o rendimento familiar dos portugueses, mas, isso não é verdade. No meu agregado somos funcionários privados, o rendimento global é de cerca de 1500€ e ainda não vi que tenha sido beneficiado pelas medidas deste oportunista, pelo contrário. O tipo manteve os impostos do governo anterior que nos tirou da banca rota, e, aumentou brutalmente os impostos indiretos.

comentários mais recentes
Anónimo 23.09.2017

Este oportunista só governa para FP, funcionários das EPs e para quem não trabalha. Diz que aumentou o rendimento familiar dos portugueses, mas, isso não é verdade. No meu agregado somos funcionários privados, o rendimento global é de cerca de 1500€ e ainda não vi que tenha sido beneficiado pelas medidas deste oportunista, pelo contrário. O tipo manteve os impostos do governo anterior que nos tirou da banca rota, e, aumentou brutalmente os impostos indiretos.

Anónimo 23.09.2017

Oh Costa, deixa-te de aldrabices pois até agora, só fizeste o que qualquer ditador faria. Eu, só exijo que me reponham a reforma que recebia há 10 anos. Já pareces a padralhada que na Pascoela lançava 1/2 kilo de amêndoas da varanda da igreja e que os pacóvios disputavam ainda que, conspurcadas com todo o tipo de imundice. Os tempos mudam mas as técnicas de aldrabar o pagode e os ladrões continuam os mesmos.

Hoje o Blá,blá,blá para enganar tansos Tugas 22.09.2017

O Costa PROMETE...
Ontem era o Costa QUER...
Todos os dias o spin larga a palha para os burros comerem.
Já estamos a 23set., ainda há muito Tuga para enrolar
Estes aldrabões topam-se à distância...
A questão agora é saber se o Tuga é realmente asno? Será? 1out. saberemos...

p 22.09.2017

o monhé promete aos portugueses aquilo que não tem...apenas promete dar aos portugas, mais dívida, por isso é que em 1,5 anos a dívida passou de 230 biliões para 249,2biliões qq coisa como mais 19,2 biliões.quem vai pagar?...ele o monhé a catarina be e o jerónimo cdu, certo? é só mafia os politicos!

ver mais comentários
pub