Economia Costa reitera que descentralização é a "principal reforma do Estado" a ser feita

Costa reitera que descentralização é a "principal reforma do Estado" a ser feita

O secretário-geral do PS, António Costa, reiterou este domingo que a descentralização é a "principal reforma do Estado" a fazer, assegurando desse modo que os autarcas possam fazer "mais e melhor" pelos seus concidadãos.
Costa reitera que descentralização é a "principal reforma do Estado" a ser feita
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 17 de setembro de 2017 às 12:52

"A principal reforma do Estado que temos de fazer é a descentralização, dar mais competências e meios aos autarcas para poderem fazer ainda mais e melhor", advogou o líder socialista, intervindo em Trancoso, na abertura de uma sede de campanha do candidato local às autárquicas de 1 de Outubro.

 

E prosseguiu: "Estando mais próximos das pessoas e dos problemas", os autarcas, sejam presidentes de câmara ou de junta de freguesia, "podem fazer mais que o Governo central, que muitas vezes está longe das pessoas e dos problemas", sustentou António Costa, que também ele foi presidente de câmara, em Lisboa.

 

No actual executivo municipal de Trancoso, presidido por Amílcar Salvador, que o PS recandidata, os socialistas têm a maioria, com quatro elementos, e o PSD possui três vereadores.




pub