Emprego Daniel Bessa: Empresários do Norte poderiam subir mais os salários dos trabalhadores

Daniel Bessa: Empresários do Norte poderiam subir mais os salários dos trabalhadores

O economista Daniel Bessa disse esta noite, no Porto Canal, que não há margem para a subida do salário mínimo nacional, excepto em sectores "que estão a fazr eco", como os do calçado, vestuário e cortiça.
Daniel Bessa: Empresários do Norte poderiam subir mais os salários dos trabalhadores
Miguel Baltazar
Negócios 14 de dezembro de 2016 às 02:37

Em reacção aos dados do emprego divulgados pelo Eurostat, Daniel Bessa alertou na terça-feira à noite, no programa "O Estado do País" do Porto Canal, para o facto de o emprego estar a crescer mais do que a riqueza que o país produz.

 

 "Normalmente, o emprego cresce um bocadinho menos do que o PIB, porque vai havendo ganhos de produtividade e para fazer crescer o PIB 1% normalmente não é preciso mais 1% das pessoas. Ora bem, temos um PIB a crescer 1% e pico e o emprego a crescer mais de 2% - e esse resultado é um pouco perturbador. Está-se a criar mais emprego do que aquilo que o PIB por si só justificaria", alertou o professor de Economia e Gestão

 

Na opinião do ex-ministro da Economia, "isto significa uma perda de produtividade, porque está a crescer mais o número de pessoas do que o resultado da sua actividade, o que aponta para salários médios que também não podem estar a crescer". Assim, sublinhou, "se se forçar o salário mínimo, corre-se o risco de ter perdas de postos de trabalho".

 

Sobre se há solução para isto, Daniel Bessa respondeu que "a única solução é passar a ter uma economia economia que consiga criar mais valor por trabalhador".

 

No seu entender, apesar de não haver margem para subir o salário mínimo nacional, o cenário no "Norte" é um pouco diferente. "Vou dizer uma coisa que os nossos empresários aqui do Norte não vão gostar: por exemplo, sectores que estão a fazer eco, que estão a crescer com base nas exportações, como é o caso do calçado, vestuário e cortiça - sectores muito representativos da economia nortenha - acho que se podia esperar que esta evolução do desempenho do sector, das vendas, das exportações, da conquista de mercados, correspondesse a melhorias salariais mais acentuadas", sugeriu.




A sua opinião5
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 14.12.2016

Meu caro Daniel Bessa, escolheu mesmo bem os sectores para os quais acha que têm condições para aumentar salários! Os mesmos que compram Ferraris? e depois dizem que não podem aumentar o SMN? ehehe mas que grande pontaria... Já para não falar desse grande trabalhador que dá pelo nome de Américo Amorim... Boa gostei mesmo.

comentários mais recentes
Anónimo 14.12.2016

Meu caro Daniel Bessa, escolheu mesmo bem os sectores para os quais acha que têm condições para aumentar salários! Os mesmos que compram Ferraris? e depois dizem que não podem aumentar o SMN? ehehe mas que grande pontaria... Já para não falar desse grande trabalhador que dá pelo nome de Américo Amorim... Boa gostei mesmo.

TinyTino 14.12.2016

Oh amigo Daniel. Isso só quer dizer uma coisa. De facto o crescimento do PIB é maior do que aquele que consta dos nºs oficiais porque há muita coisa a acontecer por baixo do pano (obviamente para não pagar impostos)
Qualquer patrão não contrata se não precisar e só quando é obrigado a tal, quando a sobrecarga dos outros trabalhadores ou a ineficiência da organização a isso obriga. Em resumo o está a crescer bem acima do que é divulgado.

Joaquim Oliveira 14.12.2016

E porque não os do Sul ?

pertinaz 14.12.2016

ESTE SENHOR É DAS POUCAS MENTES PENSANTES

MENSAGEM EQUILIBRADA E POSITIVA

AUMENTOS SIM, MAS COM CRITÉRIO

NÃO ADMIRA QUE A ESCUMALHA DA ESQUERDALHA CANALHA O INSULTE

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub