Américas Departamento de Estado dos EUA revoga cancelamento de vistos

Departamento de Estado dos EUA revoga cancelamento de vistos

A revogação do cancelamento acontece depois de notificação do Departamento de Justiça da decisão do juiz federal James Robart, de Seattle.
Departamento de Estado dos EUA revoga cancelamento de vistos
Bloomberg
Lusa 04 de fevereiro de 2017 às 15:54
O Departamento de Estado dos Estados Unidos revogou o cancelamento de vistos para cidadãos de sete países muçulmanos, depois de um juiz federal ter bloqueado o decreto anti-imigração do Presidente norte-americano, Donald Trump.

O Departamento anunciou que cerca de 60.000 cidadãos daqueles países - Iémen, Irão, Iraque, Líbia, Síria, Somália e Sudão - tiveram os respectivos vistos "provisoriamente revogados" em cumprimento do decreto presidencial.

A decisão de revogar o cancelamento, acrescentou, foi tomada depois de notificação do Departamento de Justiça da decisão do juiz federal.

A partir de agora, precisou, as pessoas que estavam abrangidas pelo decreto e que tenham um visto válido podem entrar nos Estados Unidos.

O juiz federal James Robart, de Seattle, ordenou na sexta-feira a suspensão temporária, a nível nacional, da proibição de entrada a pessoas de sete países de maioria muçulmana, em vigor há uma semana.

A ordem temporária do juiz vigora até ser efectuada uma revisão completa da queixa apresentada pelo procurador-geral de Washington, Bob Ferguson.



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
investidor1 04.02.2017

https://goo.gl/forms/3J12TVuOqjtlvqIP2

Obrigado!

Anónimo 04.02.2017

https://goo.gl/forms/3J12TVuOqjtlvqIP2

Obrigado!

pub
pub
pub
pub