Deputado do PP considera que um eventual resgate é uma "garantia para Espanha"
09 Junho 2012, 11:44 por Lusa
2
Enviar por email
Reportar erro
0
O deputado basco do Partido Popular Carmelo Barrio deu hoje "graças a Deus" que Espanha possa vir a contar com apoio da União Europeia, uma instituição "forte, mesmo que às vezes fraqueje", e que é "uma garantia para Espanha".
Barrio, entrevistado pela Radio Esukadi, considerou que no momento actual é vital "ter confiança" nas medidas que o executivo espanhol está a adoptar, depois dos "anos terríveis do Governo de Zapatero". "Graças a Deus estamos sob o guarda-chuva da UE, de uma instituição forte que às vezes fraqueja mas que é uma garantia para Espanha de que as coisas vão correr melhor", disse, questionado sobre a possibilidade de um resgate ao sector bancário espanhol.

Recordando que em caso dessa ajuda se materializar é necessário "pagar e, seguramente [haverá] mais ajustes", Barrio considerou "imprescindível um processo de ordenação do sistema financeiro".

Devem ser igualmente revistas questões relacionadas com os supervisores e reguladores "como o Banco de Espanha, que tem falhado por todos os lados nos últimos tempos".

"Chegou a hora de tomar medidas e decisões muito sérias em matéria económica e financeira", disse.

Já o porta-voz parlamentar do Partido Nacionalista Basco (PNV), Joseba Egibar, considerou que a intervenção europeia para resgatar o sistema financeiro espanhol provocará uma descida no nível de vida.

Ainda assim, disse, essa intervenção será "uma oportunidade" para que as coisas se façam melhor.

"Vamos ter que baixar o nível de vida, não sei em que percentagem, e as condições vão-se complicar. Teremos que apertar o cinto", disse.

2
Enviar por email
Reportar erro
0
pesquisaPor tags: