Emprego Desempregados inscritos no IEFP diminuem 9,5% em Outubro

Desempregados inscritos no IEFP diminuem 9,5% em Outubro

O número de desempregados inscritos nos centros de emprego em Portugal baixou 9,5% em Outubro, face ao mesmo mês de 2015, para 490.589 pessoas, e recuou 0,1% face a Setembro, divulgou o IEFP.
Desempregados inscritos no IEFP diminuem 9,5% em Outubro
Miguel Baltazar/Negócios
Lusa 21 de Novembro de 2016 às 20:29

De acordo com os dados do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP), a descida homóloga de 9,5% em Outubro equivale a menos 51.441 desempregados, enquanto face a Setembro o recuo de 0,1% representa menos 518 desempregados registados.

 

Face ao mês homólogo de 2015, em Outubro o número de desempregados inscritos nos centros de emprego caiu em ambos os sexos, mas a queda foi mais significativa nos homens, com uma descida de 11,1%, enquanto nas mulheres a redução foi de 8,1%.

 

Quanto ao grupo etário, quer os jovens (menos de 25 anos), quer os adultos apresentaram uma descida homóloga do número de inscritos, de 14,7% e de 8,7%, respectivamente.

 

No que respeita ao tempo de inscrição, os desempregados inscritos há menos de um ano diminuíram 9,8% em relação a Outubro de 2015, e os desempregados de longa duração, isto é, com tempo de inscrição igual ou superior a um ano, recuaram 9,2%, segundo os dados do IEFP.

 

O número dos desempregados que procurava um novo emprego diminuiu também face ao mês homólogo de 2015 (-9,4%), bem como aqueles que procuravam o primeiro emprego (-10,2%).

 

"A descida anual do desemprego fez-se sentir em todos os níveis de instrução. O decréscimo percentual mais elevado verificou-se no primeiro ciclo do ensino básico com -12,6% face ao mês homólogo de 2015", refere o IEFP.

 

A nível regional, comparando com o mês de Outubro de 2015, o desemprego diminuiu em todas as regiões do país, com destaque para o Algarve "com a descida percentual mais acentuada (-17,6%) ".

 

Em relação ao mês anterior, o desemprego diminuiu também em todas as regiões, com excepção do Algarve, onde aumentou 18% face a Setembro.

 

Ao longo do mês de Outubro, inscreveram-se nos centros de emprego do Continente e Regiões Autónomas 58.289 desempregados, uma quebra de 17,9% face ao mês homólogo, o que representa menos 11.905 desempregados inscritos.

 

As ofertas de emprego por satisfazer totalizavam, em Outubro, 17.242 nos centros de emprego de todo o país, o que se traduz numa quebra de 11,9% face ao mês homólogo e de 5,4% face a Setembro, refere o IEFP.

 

Quanto às colocações realizadas durante o mês de Outubro de 2016, estas totalizaram 6.456 em todo o país, número inferior ao de igual período de 2015 (-43,6%, com menos 4.983 colocações) e ao do mês anterior (-18,5%, com menos 1.469 colocações).

 

A análise das colocações por grupos de profissões, segundo o IEFP, mostra uma maior concentração nos trabalhadores não qualificados (32,2%) e nos trabalhadores dos serviços pessoais, de protecção e segurança e vendedores (18,3%).




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
nb Há 1 semana

Acreditamos em tudo isso e também acreditamos na taxa de desemprego, etc.

pub