Zona Euro Economia espanhola acelera 0,8% no terceiro trimestre

Economia espanhola acelera 0,8% no terceiro trimestre

O produto interno bruto de Espanha avançou 0,8% de Julho a Setembro, ficando em linha com as perspectivas do Banco de Espanha. Este trimestre não terá em conta a incerteza que a situação na Catalunha terá gerado.
Economia espanhola acelera 0,8% no terceiro trimestre
Ana Laranjeiro 30 de outubro de 2017 às 11:06

O produto interno bruto (PIB) de Espanha avançou 0,8% no terceiro trimestre deste ano face aos três meses anteriores, de acordo com os dados oficiais publicados esta segunda-feira, 30 de Outubro, e citados pela Bloomberg.

Este valor está em linha com as estimativas avançadas pelo Banco de Espanha. Comparando a evolução do PIB com o terceiro trimestre do ano passado verifica-se uma variação de 3,1%, de acordo com o jornal espanhol Expansión.


O terceiro trimestre deste ano representa o 16º trimestre consecutivo de subida do PIB espanhol. As últimas previsões do banco central espanhol apontam que o crescimento económico do reino vai atingir os 3,1% - previsão igual à do Governo de Mariano Rajoy. Contudo, para os anos seguintes, o PIB deverá acelerar menos, estando previsto um crescimento económico de 2,5% no próximo ano e de 2,2% em 2019, de acordo com a mesma fonte.


Importa salientar que nos dados relativos a este terceiro trimestre não estarão incluídos os efeitos que a situação da Catalunha pode ter gerado. O referendo independentista realizou-se a 1 de Outubro, sendo que a deslocalização das sedes de empresas ocorreu posteriormente a esse período. A Catalunha poderá mesmo ter perdido o estatuto de região mais rica de Espanha com a saída de várias empresas.

A situação na Catalunha pode vir a ter efeito no crescimento económico de Espanha. No passado dia 13 de Outubro, o governo de Madrid avisou que a situação de impasse em torno da independência da Catalunha pode ter impacto na evolução da economia espanhola. Segundo Soraya Sáenz de Santamaría, vice-presidente do governo, o Executivo pode ter de reduzir a previsão de crescimento para 2018.

Na passada sexta-feira, 27 de Setembro, o parlamento catalão proclamou a república independente da Catalunha, declaração que estava suspensa desde 10 de Outubro. A resposta de Madrid foi a esperada, com o governo de Mariano Rajoy a pôr no terreno a suspensão da autonomia catalã.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar