Europa Economia grega continua no vermelho

Economia grega continua no vermelho

O PIB da Grécia abrandou a queda no primeiro trimestre, mas continuou em terreno negativo. Para a totalidade do ano, o Governo estima um crescimento de 1,8%.
Economia grega continua no vermelho
Reuters
Nuno Carregueiro 15 de maio de 2017 às 11:00

O produto interno bruto (PIB) da Grécia recuou 0,1% nos primeiros três meses do ano, face ao último trimestre do ano passado, anunciou o gabinete de estatística do país. Na comparação com o primeiro trimestre do ano passado o PIB recuou 0,5%.

 

A economia grega continua assim no vermelho, embora com uma quebra menos intensa do que a registada no final do ano passado. O PIB recuou 1,2% em cadeia no quarto trimestre e 1,1% em termos homólogos.

 

A economia grega tem registado uma forte volatilidade no último ano, sendo que antes destes dois trimestres de variações negativas, tinha registado dois trimestres com crescimentos (0,6% no terceiro trimestre e 0,3% no segundo trimestre). Nos últimos nove trimestres o PIB cresceu em quatro e recuou em cinco.

 

Apesar deste desempenho negativo, o Governo helénico estima um crescimento este ano, apontando para uma evolução positiva de 1,8% no PIB em 2017. Ainda assim trata-se de uma forte revisão em baixa, já que antes apontava para um crescimento de 2,7% este ano.

 

No programa de estabilidade enviado este fim-de-semana para Bruxelas, o Governo de Tsipras aponta para um crescimento de 2,4% em 2018, 2,6% em 2019, 2,3% em 2020 e em 2021.

 

Também hoje foram reveladas estatísticas sobre o desempenho das contas públicas da Grécia. Entre Janeiro e Abril o país registou um défice orçamental de 1,1 mil milhões de euros, acima dos 973 milhões de euros do período homólogo mas abaixo da meta de 2 mil milhões de euros.

 

Descontando o custo com pagamento de juros da dívida, a Grécia chegou a Abril com um excedente orçamental de 1,73 mil milhões de euros, abaixo dos 1,9 mil milhões do período homólogo mas acima da meta de 798 milhões de euros.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 15.05.2017

A pertinência das reformas da troika da UE e do FMI e seus efeitos positivos na economia portuguesa são mais do que ponto assente. A própria OCDE tem alertado para a importância dos governos mais desatentos de territórios relativamente menos desenvolvidos fazerem essas mesmas reformas que as economias e sociedades mais avançadas já encetaram há bastante tempo. O problema não é isso. O problema é que o governo português anti-troika, ou seja, anti-equidade e sustentabilidade, vai reverter tudo do pouco que foi feito e Portugal volta à estaca zero.

comentários mais recentes
Anónimo 15.05.2017

A pertinência das reformas da troika da UE e do FMI e seus efeitos positivos na economia portuguesa são mais do que ponto assente. A própria OCDE tem alertado para a importância dos governos mais desatentos de territórios relativamente menos desenvolvidos fazerem essas mesmas reformas que as economias e sociedades mais avançadas já encetaram há bastante tempo. O problema não é isso. O problema é que o governo português anti-troika, ou seja, anti-equidade e sustentabilidade, vai reverter tudo do pouco que foi feito e Portugal volta à estaca zero.

Anónimo 15.05.2017

As reformas da troika na Grécia não avançaram como avançaram em Portugal. Valha-nos isso. O problema é que por cá estão a ser revertidas.

Anónimo 15.05.2017

Com o fardo da dívida pública que os gregos têm às costas, não há excedente primário que lhes valha.

pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub