Política Espanha e UE necessitam de um PSOE forte e unido, diz Martin Schulz

Espanha e UE necessitam de um PSOE forte e unido, diz Martin Schulz

O presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, afirmou que Espanha e a União Europeia "necessitam de um PSOE forte e unido", numa reacção à demissão de Pedro Sánchez como secretário-geral do partido.
Espanha e UE necessitam de um PSOE forte e unido, diz Martin Schulz
Bloomberg
Lusa 02 de Outubro de 2016 às 00:25

"O meu agradecimento a Pedro Sánchez pelo seu trabalho e compromisso com a Europa e com os progressistas. Espanha e a União Europeia necessitam de um PSOE [Partido Socialista Operário Espanhol] forte e unido", escreveu Schulz no sábado, na sua conta pessoal na rede social Twitter.

 

O dirigente social-democrata alemão transmitiu a mensagem horas depois de Pedro Sánchez ter anunciado a sua demissão, após o comité federal socialista ter rejeitado a sua proposta para a realização de eleições primárias e de um congresso extraordinário.




A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 02.10.2016


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

comentários mais recentes
Anónimo 02.10.2016

Sao mesmo palavras que se dirigem aos familiares do defunto.

Anónimo 02.10.2016


PS DEIXA MORRER UTENTES DO SNS... PARA DAR MAIS DINHEIRO À FP:

- PS aumenta despesa com salários da FP em 500 milhões de Euros;

- PS reduz horário da FP para 35 horas;

- PS corta orçamento dos Hospitais Públicos.

Gualter Boavida 02.10.2016

:@

Umtado 02.10.2016

Este camarada agradece ao Shanches o seu trabalho com a Europa e com os progressistas e diz que é preciso um PSOE forte e unido precisamente o contrário que o Sanches fez! De facto foi um alivio para os espanhóis

pub