IVA Fim do IVA alfandegário “poupa” 200 milhões de euros às empresas
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
IVA

Fim do IVA alfandegário “poupa” 200 milhões de euros às empresas

Cerca de 400 importadores começaram este mês a beneficiar da extinção parcial do IVA alfandegário uma medida que, quando entrar em velocidade cruzeiro, “poupará” 200 milhões de euros às empresas, estima o Governo. Comércio com a China será agilizado.
Fim do IVA alfandegário “poupa” 200 milhões de euros às empresas
António Mendonça Mendes, secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, firmou um acordo político para facilitar o comércio com a China.
Bruno Simão
Elisabete Miranda 21 de setembro de 2017 às 22:50

A substituição do IVA alfandegário por um regime de autoliquidação, uma medida há muito reclamada pelos operadores económicos e que em Março de 2018 entra em velocidade cruzeiro, vai libertar cerca )

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
ccc Há 3 semanas

Se mandar vir uma caixinha pelo correio com um par de chinelos da patagónia, param-me a encomenda na alfândega e querem factura e o diabo, mas para grandes empresas vai ficar escancarado...Faz lembrar a perseguição às cabeleireiras e os grandes continuam a desviar milhões para offshores!

joao Há 3 semanas

Uma excelente medida que irá tirar movimento dos portos espanhóis para os portugueses, pois os importadores para não pagarem o IVA importavam via espanha de forma a evitarem o pagamento "À cabeça". mas é uma medida q só vai produzir efeitos à séria no próximo ano pois isto tem d ser feito com calma

estranho Há 3 semanas

isto é uma mentira de todo tamanho
estamos neste momento há espera de um contentor da china e o que nos foi informado é que nós,não obstante termos todos os impostos em ordem,agora e sempre,não somos elegíveis pra aproveitar essa norma que é APENAS PARA GRANDES EMPRESAS...UMNOJO...

Anónimo Há 3 semanas

Pois! e o estado nunca mais o vê... não aprendem mesmo, isto já foi tentado e posto em prática várias vezes com resultados desastrosos. Vem desde os tempos do IT (imposto de transacções). Saída de mercadorias das alfândegas para pagamento de impostos depois de transacionados? neste país? ahahahahahah....

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
pub
pub
pub