Ambiente G20 chega a acordo para uma declaração comum sobre o clima

G20 chega a acordo para uma declaração comum sobre o clima

Os países do G20 chegaram este sábado, de Julho, a um compromisso sobre o clima para evitar uma ruptura definitiva com os Estados Unidos após o anúncio da sua saída dos acordos de Paris, segundo o comunicado final.
G20 chega a acordo para uma declaração comum sobre o clima
Reuters
Lusa 08 de julho de 2017 às 16:08

O comunicado final do G20 foca-se, em parte, na desvinculação dos EUA destes acordos visando a luta contra as alterações climáticas, que são qualificadas como "irreversíveis".

Segundo noticia a AFP, foi uma forma de isolar os EUA neste assunto: "Regozijo-me muito que todos os outros chefes de Estado e governo" mantenham os acordos de Paris, declarou à imprensa a chanceler alemã Angela Merkel, anfitriã da cimeira.


Ao mesmo tempo, os Estados Unidos, liderado por Donald Trump, fizeram uma concessão.


A declaração final diz que os Estados Unidos vão "esforçar-se para trabalhar estreitamente com outros parceiros para facilitar o seu acesso e a utilização mais apropriada e eficaz das energias fósseis e os ajudar a desenvolver energias renováveis e outras fontes de energia limpa".


Esta passagem cria uma situação inédita no G20, que valida assim o facto de um dos seus membros poder desenvolver uma política individual, contra a corrente dos outros membros.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub