Economia Gastos do Estado com advogados duplicaram em seis anos

Gastos do Estado com advogados duplicaram em seis anos

As contas são do Jornal de Notícias, segundo o qual os organismos públicos gastaram em média 15,2 milhões de euros por ano em contratação de assessoria jurídica entre 2014 e 2016. São mais 4,9 milhões que no triénio anterior e quase o dobro do que entre 2008 e 2010.
Gastos do Estado com advogados duplicaram em seis anos
Sara Matos
Negócios 27 de novembro de 2017 às 09:52

Os números são apurados com base nos dados constantes no portal Base, e poderá pecar por defeito, uma vez que muitos serviços do Estado não publicam os seus procedimentos de aquisição de bens e serviços no portal dos contratos públicos. Por outro lado, porque a pesquisa foi efectuada com base nos números de contribuinte das principais sociedades de advogados, o que poderá ter deixado de fora ainda mais alguns contratos.

 

Segundo as conclusões, publicadas na edição desta segunda-feira, 27 de Novembro, do Jornal de Notícias (JN), a média de contratos celebrados entre 2014 e 2016 foi de 891, mais 168 do que no triénio 2011/13 e mais 264 do que entre 2008 e 2010.

 

Ainda segundo as contas do JN, o ano em que os serviços públicos mais gastaram com assessoria jurídica foi 2015, com 18,4 milhões de euros em 300 contratos.




pub