Economia Governador do BdP "presta uma sentida e merecida homenagem" a Miguel Beleza

Governador do BdP "presta uma sentida e merecida homenagem" a Miguel Beleza

Carlos Costa endereçou um "voto de profundo pesar" à família de Miguel Beleza, que faleceu na esta quinta-feira. O governador do regulador quis prestar "uma sentida e merecida homenagem" ao antigo ministro das Finanças.
Governador do BdP "presta uma sentida e merecida homenagem" a Miguel Beleza
Sara Matos
Negócios 23 de junho de 2017 às 12:17

O governador do Banco de Portugal (BdP), Carlos Costa, enviou esta sexta-feira, 23 de Junho, "o seu voto de profundo pesar" à família de Miguel Beleza, antigo ministro das Finanças e ex-líder do regulador, que faleceu esta quinta-feira.

 

Carlos Costa refere-se a um "momento de grande consternação" e "presta uma sentida e merecida homenagem" a Beleza, que enquanto ministro e governador "desempenhou um papel fundamental na adesão de Portugal à União Económica e Monetária e, consequentemente, na adopção do euro como moeda, projecto de que se orgulhava, que orgulha o Banco de Portugal e pelo qual afirmou que gostaria de ser reconhecido".

 

"Amigo do BdP, o professor Miguel Beleza foi governador num momento crítico para a economia portuguesa e para a economia da área do euro, ocupando-se da gestão da desvalorização do escudo num contexto de profunda instabilidade macroeconómica", escreve Carlos Costa numa missiva também publicada no site do regulador.

 

Costa classifica Beleza como "um brilhante economista" que "era reconhecido pela sua clarividência, pela humildade e despojamento, pela franqueza e pelo apurado sentido de humor, qualidades que merecem também o reconhecimento do Banco de Portugal".




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
O cavaquismo vai partindo,nunca devia ter nascido 23.06.2017

Ajudou a criar o monstro das portas abertas para uma classe das laranjas podres.

Conselheiro de Trump 23.06.2017

E mesmo dorminhoco.O homem ja deve ter chegado ao ceu,e este aparece agora.Lavas ao menos a cara depois da soneca,ou andas com os olhos remelados.

pub