Política Governo dos EUA pede demissão de metade dos procuradores federais

Governo dos EUA pede demissão de metade dos procuradores federais

O procurador-geral norte-americano, Jeff Sessions, pediu hoje a demissão de 46 procuradores federais que foram nomeados durante a administração presidencial anterior e ainda permanecem no cargo.
Governo dos EUA pede demissão de metade dos procuradores federais
Reuters
Lusa 10 de março de 2017 às 21:39

Em comunicado, o Departamento de Justiça refere que o pedido de Jeff Sessions (na foto) é idêntico aos que foram feitos no passado quando a presidência do país mudou.

 

O Departamento de Justiça adianta que muitos procuradores federais nomeados pelo governo de Barack Obama já deixaram os cargos, mas o Procurador-Geral dos Estados Unidos [correspondente ao cargo de ministro da Justiça em Portugal] pede agora a demissão dos 46 procuradores que ainda permanecem no cargo.

 

Nos Estados Unidos, há 93 procuradores federais. 


A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 11.03.2017

So' agora e' que foram corridos ?? ja' deviam ter sido corridos no primeiro dia de governacao Trump; esses germes que tantas mentiras tem criado para atacar o grande estadista, Trump!!!

comentários mais recentes
Anónimo 11.03.2017

So' agora e' que foram corridos ?? ja' deviam ter sido corridos no primeiro dia de governacao Trump; esses germes que tantas mentiras tem criado para atacar o grande estadista, Trump!!!

00SEVEN 11.03.2017

Se calhar não chega pô-los a andar seria, talvez, conveniente, pô-los na cadeia!
Gente posta lá pelo Eric Holder e pela Loretta Lynch com traquejo demasiado duvidoso para as funções de justiça!
Quando se chegou ao ponto de se libertarem terroristas que hoje são professores catedráticos de algumas universidades americanas e os reitores justificam a sua contratação para regerem a cadeira de "Terrorismo" porque teem experiência na matéria pode-se ver a que ponto chegou o consulado de Obama!

Conselheiro de Trump 10.03.2017

Os socialistas nao tem dificuldades de serem grandes.Na America poem as maquinas a fazerem $,e ca nao pagam a ninguem.O tipo aparenta ser anao,embora nao subvencional mas tem aspecto de q quando barre nao deixa nada a traz e se deixa sabe o q deixa.O Trump nao para de crescer na popularidade n Ameri

pub