Banca & Finanças Governo pede ao Santander soluções para lesados do Banif

Governo pede ao Santander soluções para lesados do Banif

Diogo Lacerda Machado, negociador de António Costa para os lesados do BES, revela que o Governo pediu ao Santander uma solução para os lesados do Banif. O assessor está disponível para continuar a trabalho para o Governo.
Governo pede ao Santander soluções para lesados do Banif
Miguel Baltazar/Negócios
Negócios 29 de dezembro de 2016 às 09:17

Perante o falhanço da primeira proposta apresentada pelo Santander para os investidores lesados pela resolução do Banif, o Governo pediu ao banco espanhol que ficou com o antigo Banco Internacional do Funchal que pondere uma nova proposta. A revelação foi feita em entrevista ao Público por Diogo Lacerda Machado, assessor do Governo, e o homem que tem conduzido algumas negociações do Executivo, em nome de António Costa, incluindo o recente acordo para os lesados do BES.

"Houve expressão desta vontade e de que seria certamente um gesto muito apreciado, se houvesse uma nova oportunidade mais adequada para estes lesados" do Banif, responde ao Público, acrescentando que o pedido decorreu numa "conversa exploratória que correu bem" e que embora nenhuma porta se tenha a aberto, também não terá fechado: "Não senti que não viesse a haver uma possibilidade adiante", diz.

Lacerda Machado sublinha que há diferenças significativas entre lesados do BES e lesados do Banif. É que no segundo caso, ao contrário do que se passou no BES, a CMVM nunca defendeu que os investidores tinham sido enganados. Ainda assim, entende que seria positivo o Santander procurar uma solução que pudesse ir ao encontro das expectativas dos lesados do Banif, visto que a primeiro proposta comercial do banco espanhol "foi aceite por muito poucos".

"Objectivamente não era uma solução que desse resposta aos anseios dos lesados. Pode ser que o banco Santander tendo percebido que a solução não funcionou para a larguíssima maioria destes lesados, desenhe uma outra solução", acrescenta, o assessor governativo.

Na entrevista, Lacerda Machado revela ainda que está disponível para continuar a trabalhar para o Governo em 2017. O contrato que firmou com o Governo para prestação de serviços de assessoria termina no final do ano, e diz que está "completamente disponível para" continuar. Embora não tenha sido contactado para o efeito, não crê "que seja um problema".




A sua opinião18
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 3 semanas

Como contribunte cumpridor, ou seja parvo, tenho consciência que me foram ao bolso no caso dos indignados do BES. É verdade, os administradores do banco de portugal comportaram-se de forma escandalosa neste último caso. Que paguem do bolso deles aos indignados!

E ainda vou pagar no caso do Banif. Neste caso, muito menos escandaloso, que paguem não só os administradores do banco de portugal, porque mais uma vez falharam em supervisionar o BANIF, e o Passos juntamente com a sua ministra das finanças, que aqui foram manifestamente cúmplices com os desavergonhados do banco de portugal.

Vou mas é emigrar e deixar de ser um contribuinte pobre, sistemáticamente enganado e insultado.

Socorro, estão a ir-me mais uma vez à carteira ...

Débora LopeZz Há 3 semanas

Passa ao outro e não ao mesmo! ????

Anónimo Há 3 semanas

SOLUÇÂO PARA LESADOS? Não acredito . Que solução, qual carapuça?O P:M: fala em solução? Nunca chega nem chegará, só conversa para as proximas eleições Se fosse para os bancos roubarem como fizeram! Era do dia para a noite ou vice versa grande merd@ de bancos bes e banif.Quem lucrou? SANTANDMERD@

Cândida Palma Há 3 semanas

O "melhor amigo" já governa ou por enquanto ainda só faz negócios??

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub