Mundo Guterres desiste de fazer apelos e lança alerta ao mundo

Guterres desiste de fazer apelos e lança alerta ao mundo

O secretário-geral das Nações Unidas pede a união dos países para tornar o mundo mais seguro em 2018.
A carregar o vídeo ...
Negócios 31 de dezembro de 2017 às 11:00

O secretário-geral das Nações Unidas, na sua mensagem de Ano Novo, destaca a evolução negativa em 2017 no que diz respeito aos conflitos, ansiedade com armas nucleares, combate às alterações climátcas, desigualdades, violações dos direitos humanos, nacionalismo e xenofobia.   

 

"Há um ano, quando iniciei o meu mandato, lancei um apelo à paz para 2017. Infelizmente o mundo seguiu, em grande medida, o caminho inverso. No primeiro dia do ano de 2018 não vou lançar um novo apelo. Vou emitir um alerta ao mundo", afirma António Guterres.

 

O secretário-geral das Nações Unidas pede a união dos países para tornar o mundo mais seguro e solicionar conflitos. "Apelo aos líderes em todo o mundo para o seguinte compromisso de ano novo: estreitem laços, lencem pontes".