Economia Incêndios de 15 de Outubro causaram prejuízo de 360 milhões e afectaram 350 empresas

Incêndios de 15 de Outubro causaram prejuízo de 360 milhões e afectaram 350 empresas

O levantamento provisório dos danos provocados pelos incêndios de 15 de Outubro aponta para perto de 350 empresas afectadas e um total de danos no sector económico de cerca de 360 milhões de euros, informou hoje o Governo.
Incêndios de 15 de Outubro causaram prejuízo de 360 milhões e afectaram 350 empresas
Lusa 25 de outubro de 2017 às 13:19
"Os números que temos apontam para perto de 350 empresas que sofreram danos, algumas delas totalmente, outras parcialmente", disse o secretário de Estado do Desenvolvimento e Coesão, Nelson de Souza (na foto), que falava aos jornalistas, após uma reunião de trabalho na Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), em Coimbra.

Segundo o membro do executivo, o total de prejuízos provocados pelos incêndios de 15 de Outubro "anda à volta de 360 milhões de euros", sendo que o impacto no tecido económico tem uma "incidência muito forte na região Centro".

A sessão em Coimbra contou com a presença do primeiro-ministro, António Costa, da presidente da CCDRC, Ana Abrunhosa, do ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, do ministro Adjunto, Pedro Siza Vieira, do ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, e do ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral.

As centenas de incêndios que deflagraram no dia 15 de Outubro, o pior dia de fogos do ano segundo as autoridades, provocaram 45 mortos e cerca de 70 feridos, perto de uma dezena dos quais graves.

Os fogos obrigaram a evacuar localidades, a realojar as populações e a cortar o trânsito em dezenas de estradas, sobretudo nas regiões Norte e Centro.

Esta é a segunda situação mais grave de incêndios com mortos em Portugal, depois de Pedrógão Grande, em Junho deste ano, em que um fogo alastrou a outros municípios e provocou, segundo a contabilização oficial, 64 mortos e mais de 250 feridos. Registou-se ainda a morte de uma mulher que foi atropelada quando fugia deste fogo.



A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
O Mal esta nos incendiários,tem se ser eliminados. Há 3 semanas

A direi-talha não ganha em votos ,mas ganha no isqueiro,depois arma-se em inocentes. são os mesmos dos roubo dos bancos submarinos e offehores. querem o país destruído,mas o povo é sábio.

Anónimo Há 3 semanas

Andei a vida inteira dedicado aos valores, princípios e causas do meu querido Paiís que tem sido gerido po gente que, aos meus olhos, não comunga dos mesmos valores, princípios e causas. Isto assim não presta para gente normal e responsável. A imprensa tem de voltar a ser independente e objectiva!

Anónimo Há 3 semanas

É verdade. Os socialismoa transgénicos têm reduzido a nossa independência e são os responsáveis pela miséria de milhões de portugueses. Isto assim tem de mudar, rapidamente, antes que sja tarde de mais.

Anónimo Há 3 semanas

Está mais que demonstrado que o sosialismo transgénico tem reduzido a nossa existência e colocado na miséria milhões de portugueses... Um crime contra os direitos do ser humano...

Saber mais e Alertas
pub