Ambiente Incêndios: Governo vai declarar estado de calamidade pública

Incêndios: Governo vai declarar estado de calamidade pública

O Governo decidiu avançar com a declaração de “estado de calamidade pública” devido ao risco de incêndio “muito elevado”.
Incêndios: Governo vai declarar estado de calamidade pública
Movenoticias
Sara Antunes 17 de agosto de 2017 às 12:44

O Executivo liderado por António Costa decidiu que vai declarar "estado de calamidade pública". É uma medida preventiva, para que as autoridades estejam preparadas para enfrentar os próximos dias. Em particular no fim-de-semana, altura em que se prevê uma subida acentuada das temperaturas.

"
Face à previsão do agravamento, nos próximos dias, em particular no fim-de-semana, do risco de incêndio muito elevado e máximo, com especial incidência nos distritos do interior das regiões do Centro e Norte e alguns concelhos do distrito de Beja e sotavento algarvio, o Governo, por despacho do Primeiro Ministro e Ministra da Administração Interna, vai declarar o estado de calamidade pública com efeitos preventivos naquelas zonas do território nacional", revela o Governo num comunicado emitido esta quinta-feira, 17 de Agosto.

O Governo explica que, para este efeito, vai decorrer uma reunião "reunião com o Chefe de Estado Maior General das Forças Armadas, com o Comandante Geral da GNR, Comandante Nacional de Operações de Socorro e Presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses tendo em vista a mobilização máxima de meios e pré-posicionamento nas zonas de maior risco."


Este encontro está marcado para esta sexta-feira, 18 de Agosto, às 9:30.


As previsões apontam para que os próximos dias sejam de temperaturas elevadas, com os termómetros a poderem marcar 40.º em algumas regiões.

 

As previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera apontam ainda que vários concelhos estejam com um nível máximo de risco de incêndio, sendo que o número aumenta nos próximos dias.

(Notícia actualizada às 13:01 com mais informação)




Saber mais e Alertas
pub