Política Líder do CDS-PP acusa governo de "política de opacidade" e "austeridade cobarde"

Líder do CDS-PP acusa governo de "política de opacidade" e "austeridade cobarde"

A presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, acusou o governo de fazer uma "política de opacidade" e "austeridade cobarde" por fazer cortes através de cativações.
Líder do CDS-PP acusa governo de "política de opacidade" e "austeridade cobarde"
Lusa 05 de agosto de 2017 às 11:42

"Temos um governo que opta pela política de opacidade, quando faz cortes de mil milhões de euros através de cativações que ninguém sabe onde vão bater à porta, em que ministério, em que organismo e que pessoas vão afectar", apontou a líder centrista na sexta-feira, 4 de Agosto, à margem da apresentação da candidatura, à junta de freguesia da Branca, de Carlos Coelho.

 

Assunção Cristas, que também apresentou ontem a sua candidatura à câmara de Lisboa, afirmou ainda que o Orçamento do Estado que é aprovado não é o executado no dia-a-dia pelos organismos por todo o país.

 

"Esse orçamento da verdade está escondido e a austeridade é escrita nas costas dos portugueses. É esta a austeridade das esquerdas unidas. O BE, o PCP e o PS são co-responsáveis por esta austeridade cega, que além do mais, é uma austeridade cobarde, porque não diz às pessoas olhos nos olhos o que vão fazer, e como o vão fazer", sublinhou ainda a presidente centrista.

 

As declarações de Assunção Cristas surgem depois de sido divulgado, na quinta-feira, que 2016 foi o ano em que houve maiores montantes cativados (1.746,2 milhões) dos últimos anos, tendo os centristas pedido uma alteração à lei de enquadramento orçamental para se saber no detalhe "onde não está a ser gasto o dinheiro" do Orçamento.

 




A sua opinião10
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
eleitor Há 2 semanas

Se a hipocrisia fosse um reinado, a Cristas era a Rainha !

pertinaz Há 2 semanas

SIM, COBARDES E ASSASSINOS, MATARAM 65 E TÊM OS RESTANTES A PÃO E ÁGUA...!!!

ELA TEM MAU INSTINTO Há 2 semanas

ELA E OS SEUS SEGUIDORES NAO DESISTEM, COBARDE E ELA ,DEVIA TER VERGONHA, DURANTE 4 ANOS ,JUNTO COM OS LADROES,DO PSD, PUSERAM O PAIS A PAO E AGUA.

Fala das Offehores e dos submarinos Há 2 semanas

O povo vai vos penalizar por tudo do mal que tem feito ao nosso Portugal.roubam os impostos e depois cantam de galo

ver mais comentários
pub