Política Líder do PSD acusa Governo de "estar apenas a pensar nas eleições autárquicas"

Líder do PSD acusa Governo de "estar apenas a pensar nas eleições autárquicas"

O presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou hoje o Governo do PS, e os partidos que sustentam a maioria, de "estarem apenas a pensar nas eleições autárquicas" e de "viver o dia à dia sem definir uma estratégia".
Líder do PSD acusa Governo de "estar apenas a pensar nas eleições autárquicas"
Lusa 02 de setembro de 2017 às 23:02
O líder dos social-democratas teceu estas considerações em Vila do Conde, no jantar de apresentação da candidatura de Constantino Silva, como cabeça de lista da coligação do PSD/CDS-PP, à Câmara Municipal local.

"Precisávamos que em Portugal pudéssemos ter um Governo e uma maioria que estivesse a pensar no futuro e não apenas a pensar nestas eleições autárquicas como parece estar acontecer", afirmou Passos Coelho.

O presidente do PSD considerou que o candidato apoiado pelo partido no concelho vila-condense "sabe da importância de planear, programar, definir um caminho e uma estratégia que permita chegar mais longe", algo que não reconheceu no executivo do PS.

"É isso que tem faltado ao nosso país. Infelizmente, temos um Governo e uma maioria que vive muito do dia à dia, das circunstâncias, do que já foi feito no passado com sentido estratégico. Vive de um boa conjuntura internacional e europeia que se sente, mas de pouco mais", vincou o dirigente.

Antes desta iniciativa em Vila do Conde, Pedro Passos Coelho esteve, à tarde, no concelho vizinho da Póvoa de Varzim, numa vista visita à AgroSemana - Feira Agrícola do Norte, onde recomendou ao Governo que "não se distraia" na discussão do novo quadro financeiro plurianual em Bruxelas e que reforce as verbas necessárias para que o Portugal 2020 termine com "uma execução mais forte".



A sua opinião10
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
A tua ladainha do diabo esta fora de prazo 03.09.2017

A direita~lha é mentirosa e trapaceira e trauliteiro,nem com sardinhas e porcos e ´castanhas e vinho verde se safam o povo é inteligente e sábio já correu com estes ladrões,e andam com uma ladainha de betinhos para enganar o Povo,o voto é uma arma, vou votar GERINGONÇA são sérios.foi uma bênção.

Na falta de melhor (politica) este acéfalo 03.09.2017

continua a querer fazer dos Portugueses ingénuos. O governo pensa nas eleições, diz ele. E oposição ? pensa em quê, as festas as comezainas e os brindes, são o quê ? A vergonha (ou a falta dela, fazem deste individuo o expoente máximo do cinismo e da imbecilidade. Quatros anos bastaram aos Portugues

Foi? 03.09.2017

O povo não correu com eles que até ganharam as eleições. Quem correu com eles para estragar o que tinham feito, foi o golpista costa ajudado pelos geringonços que de outra maneira nunca poriam o sítio do papel higiénico na tal cadeira para tentar acabar com Portugal. Está quase, vai ser feio e duro.

Realidade vivida pelo povo no dia-a-dia 03.09.2017

Desmente as tretas mentirosas da geringonça. Todos os utentes dos serviços públicos sentem na pele as cativações. Esta austeridade é mais corrosiva, e é ela que vai derrotar o Costa e o seu discurso aldrabão. Já se começam a ouvir desabafos do tipo " no tempo do Passos isto não era tão mau" ...

ver mais comentários
pub